Aprenda a usar o VLC, o melhor Media Player para Windows

Brad Chacos, PCWorld EUA
11 de outubro de 2012 às 07h00
Software gratuito toca filmes em DVD e quase qualquer tipo de vídeo, e ainda tem ferramentas para converter arquivos, ripar DVDs, capturar imagens, gerenciar podcasts e mais

Vamos dar as más-notícias de uma só vez: a versão doméstica do Windows 8 não irá incluir nem o Windows Media Center, nem a capacidade de tocar DVDs. Mas os entusiastas do entretenimento no PC não precisam se preocupar: a decisão da Microsoft é na verdade uma oportunidade disfarçada. Agora não faltam motivos para conhecer o VLC Media Player, um aplicativo extremamente versátil que faz muito, muito mais do que a alternativa integrada ao Windows. O VLC é capaz reproduzir e transmitir vídeos através da Internet, gerenciar podcasts, capturar vídeos a partir de uma webcam e, claro, tocar DVDs e discos Blu-Ray. E essa é só a ponta do iceberg.

Simplificando, o VLC é o Media Player favorito dos usuários avançados. Infelizmente, todo esse conjunto de poderosos recursos também pode intimidar à primeira vista. O que todos aqueles botões e menus fazem? Este guia irá lhe ensinar o básico, mostrando como assistir vídeos armazenados localmente ou transmitidos através da Internet, e também algumas dicas e truques para lhe ajudar a tirar o máximo deste programa.

Mais do que apenas um DVD Player

DVDs não são os únicos discos que podem ser lidos pelo VLC: CDs de áudio, VCDs e SVCDs também podem ser reproduzidos sem problemas. O suporte experimental a discos Blu-Ray foi adicionado neste ano, mas o sistema de criptografia usado nos discos pode fazer a reprodução ser uma questão de tentativa e erro. Se o VLC se recusa a reproduzir seus discos em alta-definição favoritos, instalar estes arquivos pode ajudar, ao menos em discos mais antigos que usam o sistema de criptografia AAC. Outra alternativa é “ripar” o conteúdo do disco para o HD de seu PC (use o MakeMKV e os procedimentos que descrevemos para DVDs neste artigo) e depois tocar os arquivos clicando no menu Mídia / Abrir Arquivo.

vlc_play-360px.jpg
O VLC é capaz de tocar praticamente qualquer formato de arquivo que você imaginar

Falando em abrir arquivos, fãs de formatos menos populares como OGG e FLAC irão ficar felizes em saber que o VLC consegue lidar com praticamente qualquer tipo de arquivo que você jogar sobre ele, incluindo imagens de disco no formato ISO.

O VLC também é capaz de reproduzir “streams” de áudio e vídeo através da internet ou de sua rede local com o comando Mídia / Abrir Fluxo de Rede. Já o comando Mídia / Abrir Dispositivo de Captura mostra a imagem vinda de webcams ou placas de TV, para que você possa salvar, retransmitir ou apenas assistir.

Capture screenshots

O VLC tem um recurso que permite que você capture imagens (screenshots) de um vídeo. Basta selecionar o menu Video / Capturar a imagem. As imagens são salvas em sua pasta Imagens, com um nome como “vlcsnap” seguido do ano, mês, dia, hora, minuto, segundo e centésimo de segundo (ex: vlcsnap-2012-10-10-15h36m58s165). Se quiser que as imagens sejam salvas em outro lugar, ajuste as opções em Ferramentas / Preferencias / Video / Captura de vídeo.

Ouça podcasts e rádios via web

O VLC conhece muitos truques, e tem várias opções de áudio que podem ajudá-lo a gerenciar podcasts ou encontrar algo novo para ouvir. Clique em Exibir / Lista de Reprodução para abrir a janela de playlists, e na opção Internet para revelar um grande número de “canais”, incluindo centenas de estações de rádio de todo o mundo. A melhor parte? É tudo grátis. Se você quer acompanhar seus podcasts favoritos, basta clicar no botão + ao lado do item Podcasts na lista e informar o endereço do feed RSS do podcast que você deseja acompanhar.

vlc_stream-360px.jpg
O VLC traz uma lista de rádios online, e também pode ser usado para assinar Podcasts

Use “skins” para mudar a aparência

O visual padrão do VLC é tão atraente quanto um picolé de chuchu, mas pode ser completamente modificado com “skins”, arquivos que alteram a aparência do programa. Basta baixar uma das muitas opções disponíveis no site oficial e clicar em Ferramentas / Preferências / Interface. Na seção Aparência selecione a opção Usar capa personalizada e indique o arquivo .vlt que contém a skin que você baixou. Há dúzias delas, e com certeza você irá encontrar algo que lhe agrade.

Convertendo arquivos com o VLC

Nem todos os programas e aparelhos conseguem lidar com arquivos em formatos exóticos tão bem quanto o VLC. Felizmente ele pode ajudá-lo a superar este problema, já que além de um Media Player o programa também funciona como um conversor básico de arquivos.

Converter um arquivo para um formato diferente não exige muito esforço. Clique em Mídia / Converter/Salvar, no botão Adicionar e selecione o arquivo de vídeo ou áudio que deseja processar. Se você tem uma legenda para esse arquivo, marque a opção Usar um arquivo de legendas e indique a legenda. Clique em Converter / Salvar e indique onde quer que o novo arquivo seja salvo. Dê um nome para ele, e não se esqueça de incluir a extensão do arquivo, que deve coincidir com o Perfil selecionado (por exemplo, .mp4 para vídeo em MPEG-4). Depois é só clicar em Iniciar.

vlc_converte-360px.jpg
O VLC inclui recursos para converter vídeos

O VLC é muito flexível na conversão: é possível até converter um arquivo de vídeo em um arquivo de áudio, e fazer truques como converter um show de seu comediante favorito em um arquivo MP3 para escutar na academia.

Você pode definir detalhes dos codecs de áudio e vídeo no item Perfil na seção Configurações, mas a não ser que tenha um bom motivo sugiro manter o perfil padrão, Video - H.264 + AAC (MP4). Se quiser saber mais sobre os vários formatos disponíveis, sugiro uma consulta ao VideoLAN Wiki.

Veteranos no processo de conversão podem fazer ajustes finos na combinação de codecs de áudio e vídeo clicando no botão Editar (o com o ícone das ferramentas) à direita do seletor de perfil. Quando tudo estiver a seu gosto clique em Iniciar e vá dar uma volta ou ao cinema: a conversão de vídeo é um processo demorado que pode levar muito, muito tempo dependendo do arquivo original e da configuração de seu computador.

Um recurso controverso: copiar DVDs, Blu-Ray e vídeos da Internet

Note que a opção Converter/Salvar também lhe permite converter vídeo online, de webcams, ou copiar mídia de discos ópticos. Trocando em miúdos: copiar vídeos do YouTube ou de DVDs. Baixar vídeo do YouTube ou de algum outro lugar na internet nem sempre é legal, então certifique-se de que você tem permissão para isso antes de começar. A mesma coisa vale para os DVDs: copie apenas os seus próprios discos, para fins de backup.

Converter discos é fácil. Clique em Mídia / Converter/Salvar e, ao invés de adicionar itens na aba Arquivo, clique em Disco e selecione o disco a converter. O resto do processo é idêntico à conversão de um vídeo e, sim, vai demorar um bom tempo. Por outro lado, se você quiser uma simples cópia dos arquivos do disco para o HD, marque a opção Descarregar Entrada Bruta.

Copiar DVDs e CDs de áudio não é problema, mas discos Blu-Ray são um teste de paciência. A melhor alternativa, novamente, é usar o MakeMKV, que é capaz de lidar tanto com o antigo sistema de proteção anti cópia AACS quanto com o novo sistema BD+ usado em discos mais recentes.

Salvar imagens de uma webcam ou streams de vídeo é simples, mas a metodologia é um pouco diferente. Abra o arquivo usando o item Mídia / Abrir (Fluxo de Rede ou Dispositivo de Captura) mas em vez de clicar no botão Reproduzir, clique na setinha pra baixo ao lado dele e selecione a opção Fluxo. Identifique a fonte, clique em Próximo e certifique-se de que o Destino está definido como Arquivo. O resto das opções é o mesmo de quando você está convertendo um DVD ou arquivo de vídeo.

Antes que eu me esqueça: a qualquer momento você pode gravar qualquer vídeo que esteja assistindo clicando no botão Gravar (o círculo vermelho). Para adicioná-lo à barra de ferramentas, clique em Exibir / Controles Avançados.

Transforme seus vídeos em arte em ASCII

Uma coisa divertida: o VLC pode converter seu vídeo em uma obra de ASCII Art, onde em vez de pontos a imagem é formada por letras, números e símbolos coloridos.

Para isso clique em Ferramentas / Preferências / Video. Clique então no menu ao lado do item Saída e escolha a opção Saída de vídeo em arte ASCII colorida. Agora é só colocar um vídeo para tocar e apreciar o resultado. Quando terminar, mude o tipo de saída de volta para Padrão para trazer seus vídeos de volta à aparência normal.

vlc_ascii-360px.jpg
Com um ajuste seus vídeos viram "Arte ASCII"

Estes truques são apenas uma pequena amostra do que o VLC pode fazer. Usuários avançados podem usá-lo para transmitir vídeo através da Internet, fazer conversões em lote de acordo com a extensão do arquivo, capturar apenas a trilha de áudio de um DVD, acessar filmes armazenados em outros computadores na rede e mais. Dê uma olhada no Wiki e nos Fóruns do VideoLAN para mais dicas, truques e ajuda com eventuais problemas.

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

Reviews

Mais reviews

Belo design, capas coloridas permitem personalizar o aparelho
Tela grande e de ótima qualidade
Bom desempenho e autonomia de bateria
Tem slot para cartões microSD

Câmera traseira tem foco fixo
Não tem flash
Não tem câmera frontal
Só 4 GB de memória interna

Desempenho excepcional
Excelente autonomia de bateria

Tela tem péssima qualidade de imagem
Grande e desengonçado