Cinco bons motivos para migrar para o Windows 8.1

Brad Chacos, PCWorld EUA
04/07/2013 - 07h00 - Atualizada em 04/07/2013 - 11h28
Atualização trará recursos que irão agradar os fãs do desktop, tornar o sistema mais fácil de usar e podem até aumentar sua produtividade!

O primeiro preview do Windows 8.1 já está disponível, nos dando uma amostra em primeira mãos dos frutos da nova metodologia de desenvolvimento rápido adotada pela Microsoft. Remodelar um sistema operacional em pouco mais de oito meses não é uma tarefa fácil, e embora o Windows 8.1 esteja longe da perfeição, a Microsoft conseguiu produzir uma atualização de sistema bastante capaz no curto período desde o lançamento do Windows 8, em Outubro passado.

Steve Ballmer disse bem: o Windows 8.1 refina o sistema, tornando a experiência básica com a Interface Moderna muito menos incongruente do que antes. E se você não gosta dos Blocos Dinâmicos (Live Tiles), vai gostar de saber que o Windows 8.1 faz várias concessões importantes aos fãs do desktop.

Leia também
Conheça os novos recursos do Windows 8.1

Aqui estão os cinco principais motivos para migrar para o Windows 8.1 quando a versão final estiver disponível. A Microsoft disse que isso irá acontecer ainda neste ano, mas ainda não anunciou a data exata. Se você tem pressa em conhecer as novidades e espírito aventureiro pode instalar hoje mesmo o Preview do sistema, que é basicamente uma versão “beta” (ainda em desenvolvimento, portanto inacabada e sujeita a bugs), de preferência em um PC secundário. Mas não se esqueça de fazer backup dos seus arquivos antes!

1. Desktop aprimorado

No lançamento do Windows 8 nos pareceu que a Microsoft se esqueceu de que a maioria dos computadores atualmente em uso não tem as telas sensíveis ao toque que são necessárias para realmente tirar proveito da Interface Moderna. Felizmente o Windows 8.1 traz várias melhorias que tornam o uso do sistema muito mais agradável para quem prefere um mouse e teclado.

migrar81_opcoesdesktop-360px.jpg
Agora é possível iniciar o sistema direto no desktop e mudar o comportamento do botão Iniciar

Você não precisará fazer malabarismos para se livrar da Interface Moderna, bastam alguns pequenos ajustes. O Windows 8.1 permite inicializar o sistema direto no Desktop (opção conhecida como “Boot to Desktop”) e se você combinar isso à capacidade de configurar o Botão Iniciar para abrir a tela All Apps (um menu que lista todos os aplicativos instalados, “modernos” ou não), talvez nunca precise encarar um Bloco Dinâmico sequer.

Assumindo que não haja grandes mudanças entre agora e o lançamento da versão final, o Windows 8.1 ainda não é atraente o suficiente convencer os fãs mais ferrenhos do Windows 7 a atualizar suas máquinas, mas torna a transição muito mais fácil de você decidir fazer isto.

2. Mais integrado

Falando em transições, uma das principais reclamações contra o Windows 8 era a interação “desconjuntada” entre o Desktop e a Interface Moderna. Com muita frequência eles se pareciam com mundos completamente separados, em guerra entre si, e o sistema adorava arrancá-lo de um lado, sem cerimônia, e jogá-lo no outro, uma experiência desorientante e frustrante.

O Windows 8.1 resolve boa parte do problema. Ainda há “barreiras”, e você ainda será ocasionalmente arrastado de uma interface para a outra, mas no geral a experiência é muito menos intrusiva. Com o retorno do Botão Iniciar, a capacidade de usar o papel de parede do Desktop na Tela Iniciar e um painel de controle muito mais completo na Interface Moderna, o Windows 8.1 lhe dá uma sensação de maior controle sobre a interface. Agora só falta a Microsoft lançar um gerenciador de arquivos moderno...

3. Multitarefa mais flexível

Outra grande vantagem no Windows 8.1 mais flexibilidade na função “Snap”, que permite rodar dois apps em tela cheia, lado a lado. No Windows 8 você está limitado a dois apps simultâneos, um ocupando 75% da tela e o outro ocupando os 25% restantes. Isto limita a utilidade do recurso.

migrar81_snap-360px.jpg
Agora você pode ter dois apps lado-a-lado ocupando o mesmo espaço na tela

O Windows 8.1 acaba com este limite. Dependendo da resolução de seu monitor você pode ter até quatro apps em uma mesma tela, e alterar dinâmicamente o tamanho de cada uma delas. Poder rodar dois apps, com cada um ocupando metade da tela, traz um aumento real na produtividade e também na usabilidade, especialmente quando combinado à capacide de ter múltiplas janelas da versão moderna do Internet Explorer 11 abertas simultâneamente.

4. Busca mais integrada

A ferramenta de busca do Windows 8 é bastante útil, mas a Smart Search (“Busca Inteligente”) no Windows 8.1 a deixa comendo poeira. Em vez de separar os resultados em categorias como apps, configurações e arquivos, o Windows 8.1 coloca todos eles em uma página de resultados unificada, junto com os resultados produzidos por outros apps como o SkyDrive, buscas na web com o Bing e os apps Video e Musica.

Isto torna o mecanismo de busca do Windows 8.1 incrivelmente versátil e útil. Uma busca pela banda Queens of the Stone Age, por exemplo, retornou uma foto do grupo, alguns arquivos onde a mencionei, informações biográficas, resultados do Bing, links para ouvir as músicas via streaming no app Musica e recomendações de alguns apps que poderiam me dar mais informações sobre o assunto.

migrar81_busca-360px.jpg
Sistema de busca consolida informações locais, de seus apps e da web

Da mesma forma uma busca por Steve Ballmer, CEO da Microsoft, revelou arquivos locais, vários vídeos, tópicos relacionados e muito mais. Se a única mudança no Windows 8.1 fosse o Smart Search, já seria o suficiente para me convencer a atualizar. É bom assim.

5. Novos recursos em todos os cantos

O preview do Windows 8.1 também vem recheado de todos os tipos de novos recursos. Da capacidade de transmitir vídeo sem fio a outros dispositivos usando a tecnologia Miracast, passando pelo suporte nativo a impressoras 3D e panoramas no estilo Photosynth no app da câmera, até a imensa quantidade de recursos escondidos no menu de configurações, há algo novo e interessante em qualquer cantinho que você olhar. E isso sem levar em conta os novos aplicativos nativos, ou os que foram atualizados, como a Windows Store que ficou muito melhor.

migrar81_3dprint-360px.jpg
O Windows 8.1 tem suporte nativo a impressoras
3D. Agora só falta elas ficarem mais baratas...

Dá pra passar dias descobrindo todas as novidades e mudanças no preview do Windows 8.1, e provavelmente mais coisas surgirão até a versão final. Isoladas, poucas delas podem ser consideradas como dignas de nota, mas ainda assim são bem vindas. 

Essencial para quem usa o Windows 8

O Windows 8.1 não irá ajudar se você é daqueles que odeiam a própria idéia por trás da nova interface do Windows 8. Os Blocos Dinâmicos e a Interface Moderna não irão a lugar nenhum.

Mas com o preview a Microsoft mostrou que está disposta a ceder em alguns pontos para agradar e atrair os fãs do desktop, e as mudanças removem alguns dos obstáculos no caminho de quem estiver disposto a fazer a migração. E se você já é usuário do Windows 8, não vemos motivo para não atualizar para o 8.1 quando a versão final estiver disponível. Segundo a Microsoft, a atualização será gratuita, e estará disponível através da loja de aplicativos Windows Store.

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

White Papers

Sua TI está preparada para o próximo desastre?

Garantir a segurança e proteger os recursos de TI, assegurar alta disponibilidade dos dados e ter um plano para retomar as operações rapidamente no caso de desastres inesperados são prioridades para líderes de TI de empresas que pensam no futuro. Acesse este white paper e entenda como é possível evitar tempo de inatividade e garantir disponibilidade à sua empresa com DRaaS.

Uma Nova Geração do BI: confira análises self-service que seu time de negócio e de TI vão amar

Este white paper mostra como o BI Self-Service deve funcionar e os benefícios desta nova geração de BI - uma geração que oferece um ambiente abrangente e análises sofisticadas o suficiente para satisfazer seus cientistas de dados, sendo fácil de usar e acessível para usuários de negócios.

A Próxima Era da Inteligência Analítica: A Inteligência Artificial

Apresentando sete artigos, esse relatório mostra o quão diferente pode ser o uso de IA por indústrias visando atingir uma vantagem competitiva e adequar-se melhor aos seus objetivos e aos seus clientes. Acesse este relatório e confira o que a IA pode significar para os negócios e como a IA pode agregar valor para a inteligência analítica.

Reviews

Mais reviews

Belo design, capas coloridas permitem personalizar o aparelho
Tela grande e de ótima qualidade
Bom desempenho e autonomia de bateria
Tem slot para cartões microSD

Câmera traseira tem foco fixo
Não tem flash
Não tem câmera frontal
Só 4 GB de memória interna

Desempenho excepcional
Excelente autonomia de bateria

Tela tem péssima qualidade de imagem
Grande e desengonçado