Intel anuncia o Devil’s Canyon, seu primeiro processador de 4 GHz

Michael Brown, PCWorld EUA
03/06/2014 - 12h32 - Atualizada em 03/06/2014 - 12h36
Empresa também anunciou uma “edição de aniversário” do Pentium, comemorando os 20 anos da marca

A quinta geração de processadores na família Intel Core, de codinome Broadwell, pode estar atrasada, mas a empresa preparou alguns novos processadores para desktop baseados na arquitetura Haswell que com certeza irão agradar aos entusiastas. A Intel anunciou os processadores Core i7-4790K e Core i5-4690K, codinome Devil’s Canyon, nesta terça-feira, durante a feira de tecnologia Computex em Taiwan. A empresa também está celebrando os 20 anos do Pentium com um novo modelo, o Pentium G3258.

O Core i7-4790K é notável pela capacidade de operar com todos os quatro núcleos numa frequência base de 4 GHz. Outros processadores da Intel já foram capazes de atingir esta frequência em um ou mais núcleos por breves períodos (um modo que a Intel chama de Turbo Boost), mas o novo chip opera consistentemente a 4 GHz, e no modo turbo boost pode chegar a 4.4 GHz.

Já o novo Core i5-4690K opera em uma frequência base de 3.5 GHz, ou em Turbo Boost a 3.9 GHz. Ambos os processadores tem os multiplicadores de clock destravados, o que permite que os usuários tentem atingir frequências ainda mais altas através de overclock.

Intel_DevilsCanyonFamily-580px
Detalhes dos novos processadores Devil's Canyon (em vermelho)
Clique para ampliar

Em um briefing à imprensa na semana passada Lisa Graff, uma vice-presidente na Intel, disse que os processadores Devil’s Canyon foram desenvolvidos de forma muito rápida, com o início do projeto em Dezembro de 2013. “Nós demos à nossa equipe de engenharia um objetivo”, disse Graff, “queríamos um chip capaz de operar com todos os quatro núcleos a 4 GHz. Mas também estabelecemos uma série de restrições: vocês não podem mudar a solução de refrigeração, não podem mudar o soquete, e a CPU tem de se capaz de funcionar com nossos chipsets já existentes”. 

Isso significa que os novos chips poderão ser usados com as placas-mãe com soquete LGA 1150 e chipset Intel Z87 ou Z97 que já estão o mercado. Mas Graff disse que os fabricantes de placas-mãe baseadas no Z87 terão de ajustar seus produtos para acomodar as novas CPUs, em parte porque o TDP subiu de 84 para 88 watts. 

Os engenheiros da Intel “acertaram as duas coisas necessárias para aumentar a frequência”, disse Graff. “Você tem de fazer algumas mudanças no encapsulamento, então eles adicionaram um grande número de capacitores para suavizar a alimentação. E produziram uma nova solução térmica que funciona com os sistemas de refrigeração atuais”. 

Intel_DevilsCanyon_Logo-400px
O logo dos Devil's Canyon

A nova solução térmica da qual Graff falou é conhecida pelo acrônimo NGPTIM (Next-Generation Polymer Thermal Interface Material). É essencialmente a “pasta” aplicada na fábrica sobre o dissipador integrado ao chip.

Quando um dissipador e ventoinha (em um sistema refrigerado a ar) ou water block (em um sistema refrigerado a água) são presos à CPU, a pasta se espalha e ajuda a transferir o calor do chip para o sistema de refrigeração.

Os consumidores poderão comprar os novos processadores com ou sem um dissipador e ventoinha da Intel, mas imagino que a maioria dos entusiastas irá preferir soluções de refrigeração de terceiros, produzidas por empresas como a Corsair, Zalman, NZXT e outras.

Embora ambos os Devil’s Canyon sejam processadores quad-core, o modelo Core i7 suporta 8 threads graças à tecnologia Hyper-threading, enquanto o modelo Core i7 suporta apenas quatro. O Core i7-4790K terá 8 MB de cache, enquanto o Core i5-4690K terá 6 MB. Mas ambos os processadores terão a mesma GPU integrada, a Intel HD 4600, e ambos serão capazes de acessar memória DDR3/1600 em dois canais. A Intel espera que o novo Core i7 seja vendido por US$ 399 (no exterior) e o Core i5 por US$ 242. Os valores refletem o preço unitário em um lote de 1.000 unidades, sem dissipador e ventoinha.

O Pentium, reinventado

Intel_PentiumFamily-580px

Detalhes do novo Pentium (em vermelho). Clique para ampliar.

Graff também anunciou uma versão desbloqueada de um Pentium, o Pentium G3258. Ele irá operar em uma frequência base de 3.2 GHz, mas como os Devil’s Canyon terá um multiplicador desbloqueado, para atrair os entusiastas. Este processador dual-core terá uma GPU Intel HD Graphics integrada será capaz de acessar memória DDR3/1333 através de dois canais. Será compatível com as placas-mãe Socket 1150 com chipsets das séries 8 e 9 (Z8* e Z9*) e terá um TDP de 53 Watts. A Intel espera que o preço seja de US$ 72 (no exterior, em um lote de 1.000 unidades, sem dissipador ou ventoinha).

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

White Papers

Os 10 critérios mais importantes para selecionar um Provedor de Serviços Gerenciados em Cloud Computing

Qual o papel da tecnologia no varejo atual?

Reinventar-se é crucial para permanência e sucesso no mercado e só uma TI estratégica pode conduzir essa mudança

TI do Futuro X TI do Passado

Quais tecnologias podem apoiá-lo para a transformação digital de sua empresa?

Reviews

Mais reviews

Belo design, capas coloridas permitem personalizar o aparelho
Tela grande e de ótima qualidade
Bom desempenho e autonomia de bateria
Tem slot para cartões microSD

Câmera traseira tem foco fixo
Não tem flash
Não tem câmera frontal
Só 4 GB de memória interna

Desempenho excepcional
Excelente autonomia de bateria

Tela tem péssima qualidade de imagem
Grande e desengonçado