Intel anuncia mais um chip de 14 nanômetros, o 'Coffee Lake'

PC World / EUA
13 de fevereiro de 2017 às 17h48
Com isso, fabricante chegará à quarta geração consecutiva de processadores com o mesmo processo de fabricação.

A Intel costuma lançar um microprocessador por ano. Mas agora a empresa está sinalizando sem muito alarde que os PCs vendidos no final de 2017 podem trazer um de dois novos designs, usando seu processo já existente de 14 nanômetros ou a tecnologia mais nova de 10 nanômetros.

Os dois nomes para adicionar ao seu vocabulário Intel incluem o Cannon Lake, um chip de 10 nanômetros que a Intel mostrou na CES no mês passado, e um chip de 14 nanômetros de quarta geração ainda sem nome e que está sendo apelidado de Coffee Lake.

Esse último processador é provavelmente o mais interessante da nova dupla, uma vez que estenderia os chips de 14 nanômetros da Intel para um recorde de quatro gerações, seguindo os anteriores Broadwell e Skylake e o atual Kaby Lake.

Quando a Intel adicionou um terceiro chip de 14 nanômetros, o mercado foi à loucura. Um quarto processador, então, seria algo totalmente sem precedentes. 

Mas a Intel já parece estar preparando o terreno para convencer investidores e consumidores de que pode fabricar quatro gerações consecutivas de chips com o mesmo processo de 14 nanômetros sem desistir de melhorias consistentes de desempenho - que é o que importa para os consumidores, no final das contas.

 

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

White Papers

Tendências em criptografia e gestão de chaves: Brasil

Grandes violações e ataques cibernéticos fizeram crescer a urgência das empresas em aprimorar sua postura de segurança. Diante deste cenário, a pesquisa conduzida pelo Ponemon Institute examinou o uso da criptografia como estratégia de segurança dos dados da empresa e qual o impacto dessa tecnologia na postura de segurança.

A Transformação Digital depende do gerenciamento de dados corporativos

Os dados são ativos valiosos para as corporações e imprescindíveis para manter sua competitividade no mercado. Conhecer estes dados e transformá-los em informação estratégica para o seu negócio é fundamental para gerar vantagem competitiva, manter e conquistar novos clientes. Mas como ver, controlar ou regular seus dados? Acesse este white paper para conferir os principais desafios enfrentados pelas organizações diante de seu grande volume de dados corporativos e como torná-los em ativos estratégicos.

10 principais tendências de Business Intelligence para 2017

Reviews

Mais reviews

Belo design, capas coloridas permitem personalizar o aparelho
Tela grande e de ótima qualidade
Bom desempenho e autonomia de bateria
Tem slot para cartões microSD

Câmera traseira tem foco fixo
Não tem flash
Não tem câmera frontal
Só 4 GB de memória interna

Desempenho excepcional
Excelente autonomia de bateria

Tela tem péssima qualidade de imagem
Grande e desengonçado