Google apresenta jaqueta inteligente que chegará ao mercado por US$ 350

IDG News Service
13 de março de 2017 às 19h33
Jaqueta foi demonstrada durante o SXSW. Peça se emparelha com app e permite acessar funções do telefone por meio de toques no punho da peça

Entre os diversos anúncios da conferência Google I/O em 2015 estava um que parecia ser uma obra de fantasia: roupas conectadas que poderiam controlar música e luzes, e até mesmo interagir com imagens em telas próximas. 

Batizado de Projeto Jacquard, o Google provou que levava a tecnologia a sério ao estabelecer uma parceria com a Levi’s para fabricar uma jaqueta jeans conectada que, agora, sabemos quanto irá custar. 

O modelo custará US$ 350 e começará a ser comercializado no segundo semestre deste ano.

A gigante de Mountain View demonstrou a jaqueta durante o South by Southwest, que acontece em Austin (TX), e da mesma forma como um smartwatch, a tecnologia está concentrada na manga, próxima ao punho. 

A peça rastreia os movimentos que o usuário faz e os transmite de volta ao smartphone via etiqueta removível que se encaixa perfeitamente no punho da jaqueta. 

E, claro, há um aplicativo que acompanha e funciona através de Bluetooth, o que significa que não adiantará de nada se você sair de casa com sua jaqueta e esquecer o seu telefone no sofá da sala. 

Entre as possibilidades da jaqueta inteligente está comandos como deslizar funções e toque para acessar desde atualizações para o Google Maps como pular uma música.

Segundo a Levi’s, no site sobre o Projeto Jaquard, a jaqueta receberá recursos futuros para que se torne uma espécie de “copiloto” da vida de seu usuário. 

Em vídeo de divulgação da Levi's Commuter, um ciclista demonstra as funções da jaqueta, entre elas quando declina uma ligação ao tocar no punho da mesma. 

 

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

White Papers

Tendências em criptografia e gestão de chaves: Brasil

Grandes violações e ataques cibernéticos fizeram crescer a urgência das empresas em aprimorar sua postura de segurança. Diante deste cenário, a pesquisa conduzida pelo Ponemon Institute examinou o uso da criptografia como estratégia de segurança dos dados da empresa e qual o impacto dessa tecnologia na postura de segurança.

A Transformação Digital depende do gerenciamento de dados corporativos

Os dados são ativos valiosos para as corporações e imprescindíveis para manter sua competitividade no mercado. Conhecer estes dados e transformá-los em informação estratégica para o seu negócio é fundamental para gerar vantagem competitiva, manter e conquistar novos clientes. Mas como ver, controlar ou regular seus dados? Acesse este white paper para conferir os principais desafios enfrentados pelas organizações diante de seu grande volume de dados corporativos e como torná-los em ativos estratégicos.

10 principais tendências de Business Intelligence para 2017

Reviews

Mais reviews

Belo design, capas coloridas permitem personalizar o aparelho
Tela grande e de ótima qualidade
Bom desempenho e autonomia de bateria
Tem slot para cartões microSD

Câmera traseira tem foco fixo
Não tem flash
Não tem câmera frontal
Só 4 GB de memória interna

Desempenho excepcional
Excelente autonomia de bateria

Tela tem péssima qualidade de imagem
Grande e desengonçado