Samsung lança segunda geração do fone wireless Gear Icon X no Brasil por R$1.500

Da Redação
01 de dezembro de 2017 às 12h01
Com 4GB de armazenamento interno, gadget é compatível com aparelhos iOS e Android e permite reprodução offline de músicas, sem precisar de smartphone.

A Samsung anunciou nesta semana o lançamento no Brasil da segunda geração do seu fone de ouvido sem fio Gear Icon X, que desembarca por aqui quase um ano e meio depois do modelo original.

Assim como seu antecessor, o novo Icon X é voltado especialmente ao público fitness. Isso porque ele pode ser usado tanto junto com um smartphone, via Bluetooth, ou como um MP3 player portátil, já que possui espaço para armazenamento de até 4GB (suficiente para cerca de 1 mil músicas). 

Para quem não sabe, é possível controlar o fone wireless por meio do touchpad ou via comandos de voz com ajuda da assistente Bixby, da fabricante sul-coreana. 

Em seu comunicado sobre a novidade, a Samsung destaca que o acessórios ganhou melhorias na velocidade de recarga de bateria, que é realizada pelo estojo próprio do produto. A nova versão do gadget tem capacidade para cerca de cinco horas de reprodução via streaming e sete horas de reprodução offline (sem smartphone pareado), segundo a fabricante.

Compatibilidade

Além de aparelhos Android (a partir da versão 4.4), o novo Icon X também funciona com aparelhos iOS (a partir da versão 9.0), da rival Apple. Em ambos os casos, é preciso que o celular tenha pelo menos 1.5GB de RAM.

Disponibilidade

O mais recente modelo do Gear Icon X chega ao Brasil disponível na cor preta e com preço sugerido de 1.500 reais.

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

White Papers

Alcance a inovação que sua empresa precisa com a computação em nuvem

Empreendimentos realmente transformadores demandam softwares eficientes e modernos. Por isso a computação em nuvem já vem sendo adotada por inúmeras empresas de diversos segmentos e diferentes portes. Novas abordagens para o desenvolvimento de softwares são necessárias para superar desafios. Para encarar esta jornada com sucesso, acesse este guia.

Mapa estratégico de 2017 para dispositivos móveis e endpoints

Uma estratégia de endpoint deve se alinhar com as metas do negócio e apoiar o acesso de uma ampla variedade de plataformas, pois a agilidade está se tornando um requisito cada vez mais importante. Líderes de infraestrutura e operações responsáveis por estratégias para dispositivos móveis e endpoints devem se apressar em direção à independência de plataformas.

Janelas de oportunidade. Pesquisa global revela cinco principais tendências de adoção e migração para o Windows 10

O Windows 10 apresenta aos clientes uma oportunidade de aplicar melhor o gerenciamento a um grupo mais amplo de casos de uso e dispositivos, incluindo tablets, smartphones e pcs. A abordagem holística de gerenciamento unificado de endpoints (EUC, Unified Endpoint Management) permite que os clientes unifiquem o gerenciamento móvel e de desktops em um único modelo.

Reviews

Mais reviews

Belo design, capas coloridas permitem personalizar o aparelho
Tela grande e de ótima qualidade
Bom desempenho e autonomia de bateria
Tem slot para cartões microSD

Câmera traseira tem foco fixo
Não tem flash
Não tem câmera frontal
Só 4 GB de memória interna

Desempenho excepcional
Excelente autonomia de bateria

Tela tem péssima qualidade de imagem
Grande e desengonçado