AMD Radeon HD 6870 é nova rainha das placas de vídeo intermediárias

Nate Ralph, da PC World EUA
29 de outubro de 2010 às 07h00
Membro da nova família Radeon HD 6800, placa tem desempenho superior à Radeon HD 5850 e é mais barata!

A Radeon HD 6870 é a maior e mais capaz dentre as placas de vídeo da nova família 6800 da AMD (que também conta com um modelo mais modesto, a 6850). Com um preço respeitável de US$ 239 (nos EUA) esta placa de vídeo intermediária supera sua parente mais próxima, a Radeon HD 5850 (US$ 279), mesmo causando menos danos à sua conta bancária.

Os modelos da família Radeon HD 6800 são baseados em uma nova arquitetura de hardware de codinome Barts. Ela é uma versão modificada da arquitetura Cypress usada nas placas Radeon 5850 e 5870, com tamanho reduzido mas excelente desempenho mesmo assim. 

radeon_6870-360px.jpg

AMD Radeon HD 6870

Se você já está familiarizado com a série 5800 de placas de vídeo da AMD, vai se sentir em casa com os modelos da série 6800. Além de uma estética similar à de suas antecessoras, a Radeon HD 6870 vem equipada com a tecnologia AMD Eyefinity, que permite controlar até três monitores com uma única placa. A placa tem um par de portas DVI (uma dual-link e uma single-link), uma porta HDMI e dois conectores mini-DisplayPort. É uma variedade admirável, mas tenha em mente que você provavelmente precisará de um par de adaptadores mini-DisplayPort se quiser usar estes conectores, ainda raros nos monitores modernos.

Finalmente a AMD implementou a tecnologia HD3D - sua aposta no mercado de jogos 3D e sua resposta à tecnologia GeForce 3D Vision da nVidia. O HD3D foca no suporte à iniciativa Open Stereo 3D, e em vez de criar mais hardware especializado promete suportar uma variedade de outros métodos, de óculos ativos ou polarizados já existentes até tecnologias de 3D sem óculos que eventualmente irão chegar ao mercado.

Jogos e Benchmarks

No que diz respeito ao desempenho a Radeon HD 6870 tem um resultado impressionante em benchmarks sintéticos e jogos. Embora os resultados dos benchmarks não reflitam necessariamente o desempenho no mundo real, eles dão uma boa idéia de como uma GPU se sai em relação à concorrência.

A HD 6870 manteve uma liderança consistente sobre a Radeon HD 5850 em todos os nossos testes sintéticos. No 3DMark no modo High, por exemplo, foram 10.898 pontos para a Radeon HD 5850 contra 11.506 para a Radeon HD 6870. E no modo Extreme o resultado foi de 7.324 pontos para a 5850 contra 7.625 para a 6870.

radeon_6870_3dmark-360px.jpg

Comparativo entre as Radeon HD 5770, 5850, 6850 e 6870 no 3DMark Vantage

É um prazer ver uma placa superar outra mesmo custando US$ 40 a menos, mas os resultados não são uma surpresa: a HD 6870 tem um engine de tesselação aprimorado e funciona com clock superior ao da HD5850, o que dá a ela mais “músculos” nos lugares certos.

Nos testes com jogos a diferença no desempenho diminuiu, mas a HD 6870 ainda saiu na frente em quase todos os casos. Todos os nossos testes foram feitos nas resoluções de 1920 x 1200 e 1680 x 1050 pixels com todas as opções gráficas no máximo, com e sem antialiasing. O único jogo onde a Radeon HD 5850 consistentemente obteve melhor pontuação foi em Tom Clancy’s H.A.W.X, mas por pouco. 

Na resolução de 1680 x 1050 e sem antialiasing, a Radeon HD 5850 chegou a 111 quadros por segundo (FPS) em H.A.W.X, contra 105 quadros na 6870. Na mesma resolução e com anti-aliasing em 4x a diferença cai, 94 FPS na 5850 contra 92 na 6870. A 1920 x 1200, sem antialiasing, o resultado fica em 102 FPS para a 5850 e 95 FPS na 6870. Por fim, na mesma resolução com antialiasing de 4x o resultado fica em 86 FPS na 5850 conta 81 FPS na 6870. Em nossa opinião, uma diferença de 6 quadros por segundo não justifica os US$ 40 a mais no preço da 5850.

radeon_6870_hawx-360px.jpg

Comparativo entre as Radeon HD 5770, 5850, 6850 e 6870 no jogo Tom Clancy's H.A.W.X.

Consumo de energia

Quando o assunto é o consumo de energia, a HD 6870 consome um pouco mais quando exigida ao máximo. Em nosso benchmark de testes ela puxou 246 watts, contra os 231 watts da HD 5850. Mas a 6870 é mais eficiente quando ociosa, consumindo 103 watts “em repouso” contra os 127 watts da HD 5850. Tenha em mente que estes números levam em consideração a carga total do sistema, então seus resultados podem variar. Nossa máquina de testes tem um processador Intel Core i7 980x, reconhecidamente “fominha”, acompanhando de um dissipador de calor gigantesco.

Levando em conta a eficiência energética relativa, a Radeon HD 5850 ficou ligeiramente à frente da HD 6870 - Mas tenha em mente que, ociosa, a 6870 consome 30 watts a menos.

No geral, a escolha é clara. A AMD Radeon HD 5870 teve um bom reinado, mas foi superada por uma novata que tem desempenho superior, eficiência energética comparável e um preço menor. Uma grande placa está prestes a se aposentar, mas a Radeon HD 6870 é uma sucessora à altura.

Radeon HD 6870

PRÓ

Desempenho estelar, considerando o preço
Ótima eficiência energética

CONTRA

Suporte a 3D ainda na infância

Fabricante: AMD

Preço: US$ 293 (nos EUA)

A família AMD Radeon HD 6800 chegou e os resultados falam por si só: a Radeon HD 6870 é a nova rainha do pedaço.

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

White Papers

Alcance a inovação que sua empresa precisa com a computação em nuvem

Empreendimentos realmente transformadores demandam softwares eficientes e modernos. Por isso a computação em nuvem já vem sendo adotada por inúmeras empresas de diversos segmentos e diferentes portes. Novas abordagens para o desenvolvimento de softwares são necessárias para superar desafios. Para encarar esta jornada com sucesso, acesse este guia.

Mapa estratégico de 2017 para dispositivos móveis e endpoints

Uma estratégia de endpoint deve se alinhar com as metas do negócio e apoiar o acesso de uma ampla variedade de plataformas, pois a agilidade está se tornando um requisito cada vez mais importante. Líderes de infraestrutura e operações responsáveis por estratégias para dispositivos móveis e endpoints devem se apressar em direção à independência de plataformas.

Janelas de oportunidade. Pesquisa global revela cinco principais tendências de adoção e migração para o Windows 10

O Windows 10 apresenta aos clientes uma oportunidade de aplicar melhor o gerenciamento a um grupo mais amplo de casos de uso e dispositivos, incluindo tablets, smartphones e pcs. A abordagem holística de gerenciamento unificado de endpoints (EUC, Unified Endpoint Management) permite que os clientes unifiquem o gerenciamento móvel e de desktops em um único modelo.

Social Media @PCWorld