Rumores falsos? Tudo o que a Apple não anunciou no evento do iPhone 11

Um balde de água fria nos principais boatos sobre o iPhone 11

Foto: Apple/Divulgação
http://pcworld.com.br/rumores-falsos-tudo-o-que-a-apple-nao-anunciou-no-evento-do-iphone-11/
Clique para copiar

Não há como negar que o evento “By innovation only” da Apple, no último dia 10 de setembro, estava repleto de anúncios. Temos um novo iPad de 10,2 polegadas, Apple Watch Series 5, iPhone 11 e iPhone 11 Pro (em dois tamanhos), além de detalhes de preços e lançamentos para Apple Arcade e Apple TV+.

Mas não conseguimos tudo o que esperávamos. Foram muitos vazamentos que antecederam o evento e pintou uma imagem que, como sempre, não combinava com a realidade. Aqui estão algumas das coisas que ouvimos e esperávamos ver, mas que não viram a luz do dia.

Apple Tags

A omissão mais óbvia (se é que você pode chamar assim) foram os rastreadores do tipo Tile da Apple, que muitos passaram a chamar de “Apple Tags”. Havia vários rumores – de fontes confiáveis, nada menos – de sua existência antes do evento, com alguns até reivindicando referências a eles em versões internas do software iOS 13.

Os tags supostamente usariam a tecnologia Bluetooth ou Ultra WideBand para permitir a localização de objetos no aplicativo Find My, incluindo um modo AR. Achamos que eles estão chegando, talvez até este ano, e ainda não estavam prontos para serem revelados. Se a Apple tiver um evento em outubro, poderemos vê-los lá. Caso contrário, somente em março do ano que vem (ou depois disso).

Re-enquadramento de fotos

Como esperado, todos os modelos do iPhone 11 vêm com uma nova câmera traseira super grande angular. Antes do evento, havia rumores de que um recurso chamado “Smart Frame” usaria essa câmera para capturar algumas imagens adicionais em torno de fotos em ângulo regular, que poderíamos usar para reorganizar nossas fotos depois de tiradas.

Não ouvimos uma única palavra sobre um recurso como esse no palco, e ele não pode ser encontrado nos sites promocionais do iPhone 11 da Apple.

Carregamento sem fio bidirecional

Parte do padrão de carregamento sem fio Qi é o suporte para um recurso opcional de carregamento sem fio “bidirecional”. Portanto, não apenas o telefone pode ser carregado sem fio, mas também pode ser usado como carregador para outros dispositivos. Em outras palavras, você poderia colocar os AirPods (dentro do estojo de carregamento sem fio) ou outro iPhone na parte traseira do seu novo iPhone 11 para carregá-los sem fio. A Apple chegou a mover o logotipo da Apple para o centro da parte traseira do iPhone 11 para deixar mais claro exatamente onde os dispositivos devem ser carregados.

Mas esse recurso parece ter sido descartado no último minuto. A Apple não fez menção a isso, não está no site da Apple e nem há rumores de uma futura atualização de software.

Suporte ao Apple Pencil

Sempre pensamos que o boato de que o novo iPhone 11 Pro seria compatível com o Apple Pencil (ou que a empresa faria um menor apenas por isso) era superficial na melhor das hipóteses. Com certeza, os novos iPhones não suportam o Apple Pencil.

Rastreamento de sono no Apple Watch

Também ouvimos rumores confiáveis, respaldados por algumas referências internas anteriores ao código, sobre o rastreamento de sono no Apple Watch. Talvez isso aconteça em uma atualização de software futura, mas não está sendo promovida como um recurso principal do Apple Watch Series 5, nem do iOS 13 ou watchOS 6.

Armazenamento inicial de 128 GB para o iPhone 11 Pro

Alguns informantes nos levaram a acreditar que o modelo base do iPhone 11 Pro teria 128 GB de armazenamento, acima do armazenamento de 64 GB do iPhone XS. Isso não aconteceu – o iPhone 11, 11 Pro e 11 Pro Max vêm com 64 GB de armazenamento para iniciar, com atualizações disponíveis.

O coprocessador do sensor “Rose”

Um boato tardio do iPhone 11 afirmou que um novo coprocessador de sensor, com o codinome “Rose” ou “R1”, lidará com o processamento de muitos outros tipos de sensores, incluindo o rádio UWB (Ultra-Wideband) e até o rastreamento de movimento da câmera.

Não houve menção a isso, e isso não é mencionado nas especificações da Apple. A página faz menção a um novo chip U1 que habilita o suporte a banda ultralarga, que pode ser usado para posicionar e orientar com precisão o iPhone 11 em relação a outros dispositivos UWB. Mas isso não é a mesma coisa.

Talvez “Rose” faça parte do iPhone 11 e simplesmente não é especificado pela Apple. A empresa mencionou os coprocessadores de movimento da série M quando eles eram novos, mas não os chamou nos últimos anos.

Um entalhe menor

Muitos boatos afirmaram que o módulo TrueDepth, que abriga o hardware do Face ID e as câmeras frontais, encolheria por uma margem significativa nos novos iPhones. Embora agora o Face ID funcione em um ângulo mais amplo do que antes, o “entalhe” real que contém o hardware TrueDepth parece ter o mesmo tamanho de antes.

Uma Apple TV atualizada

Um boato circulou pouco antes do evento alegar que a Apple tinha novo hardware da Apple TV a caminho, com uma atualização para o processador A12. Não foi o que aconteceu, mas teria ido bem com a data de lançamento e os anúncios de preços para o Apple Arcade e Apple TV+.

Uma Apple TV atualizada faz sentido, mas todos concordam que o produto precisa de um controle remoto reprojetado muito mais do que um processador mais poderoso. Talvez possamos ouvir mais sobre um novo dispositivo da Apple TV durante um evento de outubro, ainda antes do lançamento dos primeiros programas da Apple TV+ em 1º de novembro. Talvez tenha sido arquivado até o próximo ano. Ou talvez, com o aplicativo de TV disponível em TVs inteligentes e um suporte muito mais amplo ao AirPlay 2, a Apple não veja necessariamente a necessidade de atualizar o hardware da Apple TV ainda.

Relacionadas

iPhone 11 vs iPhone 11 Pro vs iPhone 11 Pro Max: qual deles é o melhor?

Conheça tudo o que é diferente (e igual) entre os novos smartphones da Apple

iPhone 11: câmeras que chegam para mudar o jogo [hands-on]

Uma olhada de perto no que mudou e como tudo se encaixa

Apple anuncia iPad de 7ª geração com 10.2 polegadas e suporte para Apple Pencil

Vendas começam no final de setembro

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site