SpaceX transmite lançamento de 60 satélites ao espaço

Os objetos fazem parte da Starlink, constelação artificial que contará com 12 mil satélites no total

Foto: Divulgação
http://pcworld.com.br/spacex-transmite-lancamento-de-60-satelites-ao-espaco/
Clique para copiar

Nesta segunda-feira (11), às 11h56 (horário de Brasília), a SpaceX, empresa aeroespacial de Elon Musk, lançou 60 satélites ao espaço a bordo de um foguete Falcon 9. Toda a operação foi transmitida ao vivo no YouTube.

Esse é o segundo lote de satélites da SpaceX enviados ao espaço. A primeira leva foi em maio, também com 60 objetos, entretanto, três pararam de funcionar. Agora, os 57 restantes se unirão aos 60 novos para iniciar a formação da constelação artificial Starlink, que visa oferecer internet de alta velocidade para toda a extensão do planeta Terra.

No total, o projeto prevê 12 mil satélites, portanto, os primeiros 120 enviados representam apenas 1% de toda a missão. A expectativa é que a Starlink já comece a oferecer serviços comerciais antes do meio do ano de 2020. Se a experiência for bem-sucedida, a empresa espera conseguir autorização para enviar mais 30 mil satélites futuramente.

Até então, Elon Musk foi o único a testar a rede suportada pela Starlink quando, em outubro, publicou o primeiro tuíte utilizando uma conexão via Starlink.

Apesar da boa – e lucrativa – intenção, os planos da SpaceX para a Starlink estão sendo criticados pela comunidade científica, que teme que os satélites interfiram nas observações e estudos do espaço, já que refletem a luz do Sol e se parecem com estrelas muito brilhantes visíveis até a olho nu.

Relacionadas

Por segurança, Elon Musk destrói todos os smartphones que usa

O bilionário não quer que suas informações sejam roubadas ou vazadas

Elon Musk revela quanto custará a viagem para Marte

Space X deve gastar apenas US$ 2 milhões

Elon Musk exibe nave espacial que levará humanos para Lua e Marte

Testes sem tripulação começarão em até dois meses

Para Elon Musk, inteligência artificial poderá manipular redes sociais no futuro

Aplicada a bots, tecnologia poderá tomar controle de redes sociais, disse o CEO da SpaceX e Tesla

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site