USB4 promete nomes mais simples e velocidades de até 40 Gb por segundo

Já pode comemorar

Foto: Shutterstock
http://pcworld.com.br/usb4-promete-nomes-mais-simples-e-velocidades-de-ate-40-gb-por-segundo/
Clique para copiar

A USB-IF (USB Implements Forum), organização que promove e suporta a tecnologia Universal Serial Bus, divulgou novas informações sobre o USB4 – isso mesmo, sem o espaço entre os dois últimos caracteres.

A mudança no nome já é uma novidade, mas muito mais está por vir. Com uma porta que se mantém igual ao USB-C, o novo conector terá três principais melhorias em relação ao seu antecessor, o USB 3 (ou qualquer que seja o nome dessa versão tão confusa). Em primeiro lugar está a melhoria na velocidade: enquanto o USB 3 original alcança, no máximo, 4,8 Gb/s (gigabits por segundo), o USB4 chega a 40 Gb/s, ou seja, aproximadamente oito vezes a capacidade de seu antecessor.

Outro avanço é a compatibilidade com o Thunderbolt 3, conector da Intel presente nos produtos de diversas marcas, incluindo Apple. A Intel ainda forneceu as especificações do Thunderbolt 3 gratuitamente para que todos os fabricantes, tanto de dispositivos quanto de cabos, pudessem tornar seus produtos compatíveis com o padrão Intel. Spoiler: está dando certo.

Por último, mas não menos importante, vem a divisão aprimorada de exibição e dados. Resumidamente, o USB4 vai melhorar mais um recurso do USB 3. Nesse caso, a capacidade da versão anterior de utilizar um único cabo para diversas tarefas, como enviar energia, dados e sinais de vídeo, será otimizada. É uma daquelas mudanças que se ninguém te contasse, você não saberia, mas com certeza sentiria que houve um aperfeiçoamento.

Além dos avanços técnicos, temos também duas notícias – uma boa e outra ruim. A boa é que o nome USB4 será mantido assim até que apresentem um USB5. “Não planejamos entrar no tipo de caminho repetitivo dos 4.0, 4.1, 4.2. Queremos mantê-lo o mais simples possível”, disse Brad Saunders, CEO do USB Promoter Group. A ruim é que, por ser um conector de produção complexa, o USB4 demorará um pouco para chegar aos dispositivos.

Fonte: TechCrunch

tags

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site