Xangai libera testes com carros autônomos para transportar passageiros

Cidade se torna a primeira na China a emitir licenças para transporte de passageiros e mercadorias

http://pcworld.com.br/xangai-libera-testes-com-carros-autonomos-para-transportar-passageiros/
Clique para copiar

Xangai acaba de se tornar a primeira cidade chinesa a permitir que carros autônomos transportem passageiros e mercadorias nas ruas da cidade. As informações são do Financial Times.

De acordo com a agência de notícias Xinhua, a SAIC, grupo de montadoras chinesas, a BMW montadora alemã e a Didi Chuxing, empresa de transportes por aplicativo, receberam um lote primário de licenças operacionais para testar uma frota de 50 carros no distrito de Jiading, em Xangai.

O Financial Times explica que os candidatos que quiserem comercializar serviços com veículos autônomos, devem ter mais de 24.000km e 1.200 horas de testes sem passageiros e sem acidentes para obter aprovação.

Durante os testes, os veículos podem transportar cargas ou passageiros voluntários. Se a frota de 50 veículos de uma empresa operar por seis meses sem incidentes, as empresas, então, poderão se inscrever para aumentar o número de veículos.

Tu Le, consultor da Sino Auto Insights, conta que a capacidade de implantar carros autônomos com passageiros em Xangai é um “grande negócio”, por causa da complexidade da cidade, densidade da população e a organização rodoviária.

A BMW é a primeira montadora internacional a receber as permissões da China. “A China tem os cenários de tráfego mais complicados do mundo, tornando a pesquisa uma parte importante do desenvolvimento autônomo da empresa em todo o mundo”, disse a BMW.

Os Estados Unidos já liberaram mais licenças para testes de carros autônomos que os chineses. A Uber, por exemplo, anunciou na última terça-feira (17) que Dallas será a mais nova cidade onde a empresa irá testar carros autônomos. Os testes devem começar em novembro deste ano.

 

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site