10 navegadores alternativos para substituir Firefox, Chrome, Edge e IE

Para quem quer sair do mesmo e experimentar novos recursos

Foto: Divulgação
https://pcworld.com.br/10-navegadores-alternativos-para-substituir-firefox-chrome-edge-e-ie/
Clique para copiar

Às vezes, parece que há apenas quatro opções para navegadores da web no Windows: Firefox, Google Chrome, Microsoft Edge e Internet Explorer. Você encontrará algumas pessoas executando o Opera também, mas na maioria das vezes é tudo sobre os quatro primeiros.

Apesar do mundo dos browsers principais ser pequeno, existe um universo alternativo inteiro por aí. Todos eles estão lutando por sua atenção com recursos exclusivos em torno de novos conceitos de interface, privacidade, música, mídia social e muito mais.

Se você deseja melhorar sua experiência de navegação na web, considere estas dez opções abaixo, cada uma com seus respectivos fundamentos (em qual ferramenta foram construídos) e focos (objetivo central).

Opera Neon

  • Fundamentos: mecanismo de renderização intermitente
  • Foco: repensando o navegador

O Opera Neon estreou no início de 2017 como um experimento em design de interface e novos recursos do navegador. A Opera o descreve como um campo de provas “semelhante à maneira como os carros-conceito preveem o futuro dos automóveis”. De fato, a Opera lançou uma nova versão do seu navegador principal em maio, que incluiu alguma inspiração do Neon.

Quando você abre o Neon pela primeira vez, fica claro que esse navegador não é o seu caso típico de abas no topo. Na verdade, você nem abre novas guias no Neon da mesma forma que em outros navegadores. Para abrir um site, basta começar a digitar o URL ou clicar em um dos “balões de link”.

O Opera Neon, assim como o Opera oficial, usa o mecanismo de renderização Blink do Chrome.

Vivaldi

  • Fundamentos: Chromium
  • Foco: usuários avançados

Vivaldi é um navegador baseado em Chromium que tem como alvo usuários avançados. A partir do momento em que você o instala, o browser ajuda a personalizar sua aparência para atender às suas necessidades, incluindo opções de cores, posição da guia e imagem da página inicial. É um navegador muito simples no momento, que leva detalhes dos recursos atuais e antigos do Opera (o ex-CEO da Opera tem liderado a promoção do Vivaldi).

O Vivaldi vem com um recurso de discagem rápida para acesso rápido a sites favoritos, um aplicativo integrado de anotações e um painel lateral para visualizar uma página da web secundária. O Vivaldi também possui alguns recursos que qualquer usuário avançado apreciará, como gestos do mouse e atalhos de teclado, sessões de guias salvas, pilhas de guias, dimensionamento da interface do usuário e cores adaptáveis ​​da interface.

Havia sonhos iniciais de um cliente de e-mail embutido para Vivaldi, como vários navegadores antigos, incluindo o Opera. N entanto, até agora o Vivaldi conseguiu apenas fornecer a própria marca de webmail. E como o Vivaldi é construído no Chromium, ele é compatível com extensões da Chrome Web Store.

Maxthon

  • Fundamentos: Trident e WebKit
  • Foco: navegação em múltiplos dispositivos e redes sociais

O maior recurso do Maxthon é sua conta baseada na nuvem, chamada Passport, que sincroniza os dados de navegação nos seus dispositivos. Esse é um recurso comum entre os principais players, mas não é tão comum no mundo dos navegadores alternativos. O Passport também possui um recurso chamado Cloud Push que permite compartilhar conteúdo com seus amigos por e-mail ou mensagem de texto.

O Maxthon vem com um leitor de RSS, bloco de notas, gerenciador de senhas, um serviço de caixa de correio virtual chamado UUMail e AdBlock Plus. Há também um “modo de leitor” para ler artigos com mais facilidade, sem todas as distrações de um site típico.

O Maxthon não é um navegador de mecanismo único, mas sim o Trident (Internet Explorer) e o WebKit (Safari). O Maxthon usa o WebKit por padrão, mas alterna para o Trident em tempo real para páginas mais antigas que são mais amigáveis ​​com o Internet Explorer.

Torch

  • Fundamentos: Chromium
  • Foco: mídia

O Torch é um navegador para viciados em mídia com recursos para músicas e jogos. Existe um serviço de streaming integrado no YouTube chamado Torch Music. A Torch Games oferece acesso com um clique a uma seleção de jogos baseados na Web. O Torch também possui alguns recursos úteis de compartilhamento de arrastar e soltar: arraste o conteúdo da Web para a esquerda e você terá uma barra lateral para compartilhar conteúdo em redes sociais ou arraste o conteúdo para a direita para procurá-lo.

O Torch também é o sonho dos piratas da mídia, com uma ferramenta integrada para baixar áudio e vídeo de sites como YouTube e Vimeo, além de um cliente de torrent integrado para fazer você já sabe o que, não é mesmo?

Epic Privacy Browser

  • Fundamentos: Chromium
  • Foco: privacidade

Se você gosta do Chrome, mas não gosta de disponibilizar todas as suas informações para o Google e outros anunciantes, o Epic Privacy Browser pode ser para você.

O navegador não se afasta muito de suas raízes baseadas no Chrome, mas vem com vários recursos de aprimoramento de privacidade, como proxy embutido, navegação privada sempre ativa e bloqueadores internos para cookies e rastreadores de terceiros. . Ele também possui uma ferramenta de download de vídeo integrada que aparece em sites de vídeo como o YouTube.

A Epic rejeita a integração da Conta do Google. Portanto, não use este navegador se desejar sincronizar favoritos e abrir guias do navegador com os servidores do Google.

Pale Moon

  • Fundamentos: Goanna (Gecko Fork)
  • Foco: legado do Firefox

Você sente falta do antigo Firefox? Não é o Firefox antigo, mas a interface anterior à atual, com o botão de menu no canto superior esquerdo? Se assim for, vale a pena dar uma olhada no Pale Moon.

O navegador foi “bifurcado” do projeto principal do Mozilla com um lançamento inicial em 2009. Isso significa que eles pegaram o código-fonte aberto do Firefox e começaram a copiá-lo separadamente do Mozilla. O resultado é um navegador que será familiar para os usuários antigos do Firefox, embora os dois navegadores sejam diferentes agora, especialmente sob o capô. O Pale Moon, por exemplo, continua a oferecer suporte aos complementos da velha escola e aos plug-ins da NPAPI – esse último bit não é necessariamente uma coisa boa.

Comodo IceDragon

  • Underpinnings: Gecko
  • Foco: segurança

Da empresa de segurança Comodo, o IceDragon é outro navegador que promete segurança aprimorada. As opções de segurança do IceDragon incluem a verificação de malware na página da web, uso do serviço DNS Seguro da Comodo por padrão e bloqueio ativo de sites conhecidos de phishing e spyware.

Como é baseado no Firefox, o IceDragon também vem com o complemento Pocket pré-instalado. O IceDragon permite arrastar o conteúdo de uma página da Web para a direita para compartilhá-lo nas redes sociais e para a esquerda para usar esse conteúdo como base de uma pesquisa na Web.

Ele também adicionou um modo de tablet que permite alternar para elementos de interface maiores ao navegar na Web em um dispositivo com tela sensível ao toque do Windows.

Ghost Browser

  • Fundamentos: Chromium
  • Foco: produtividade

O Ghost Browser vem com uma ideia interessante. Ele foi criado com a produtividade em mente, permitindo abrir sessões separadas do navegador na mesma janela. Dessa forma, você pode ter um conjunto de guias para suas contas profissionais e outro para suas contas pessoais. Cada sessão possui “conjuntos de cookie” separados para que você possa permanecer conectado a várias mídias sociais ou contas de e-mail ao mesmo tempo em guias separadas. Cada nova guia da sessão recebe automaticamente uma cor diferente.

Você pode ir um pouco mais fundo e organizar sites por “projetos” que escondem suas guias para você. Dessa forma, você pode criar um projeto de mídia social com todas as suas várias contas abertas em guias diferentes e depois trocar para o projeto de planejamento de festas com guias abertas para e-mail, ferramentas de elaboração de listas, calendários, e assim por diante.

O Ghost Browser foi desenvolvido com base no modelo freemium. Ou seja, é gratuito, mas os recursos são limitados. Se você quer um navegador mais robusto, precisa pagar entre US$ 10 e US$ 15 por mês. Ainda assim, a versão gratuita ainda é muito boa. Você está limitado a três projetos e três sessões de guia separadas por projeto. Você também pode abrir apenas um projeto por vez. Usuários gratuitos não obtêm um modo de navegação anônima ou separam perfis de usuário.

Como o Ghost Browser é construído no Chromium, ele funciona com a Chrome Web Store.

Midori

  • Fundamentos: WebKit
  • Foco: não sobrecarrega o dispositivo

O Midori é uma escolha de longa data para sistemas Linux com pouca capacidade, mas também há uma versão do Windows para quem precisa de um navegador leve. O Midori é bem simples, sem recursos importantes e com uma interface quase semelhante ao Windows XP. No lado positivo, é responsivo e muito simples de usar. Também há uma versão portátil, se você quiser executá-la a partir de um pendrive.

Avant Browser

  • Fundamentos: Geco, WebKit, Tridente
  • Foco: fanáticos por navegadores

O Avant Browser possui um “mecanismo de renderização com três núcleos”, usando os sistemas do Firefox, Internet Explorer e Safari. Ele oferece vários recursos interessantes, incluindo uma ferramenta que ajuda a baixar vídeos de sites como o YouTube. Um recurso “sempre no topo” garante que suas guias nunca fiquem ocultas atrás de outros aplicativos de desktop como Outlook, Microsoft Word e Photoshop.

A interface da Avant é decididamente “Windows XP”, mas se você conseguir superar isso, existem todos os tipos de recursos de usuários avançados para satisfazer a maioria dos amantes de navegadores.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site