Home > Notícias

1º smartphone com Tango, novo Lenovo Phab2 Pro chega em novembro

Originalmente prevista para setembro, chegada do aparelho depois foi adiada para o último trimestre até finalmente ganhar um mês específico.

PC World / EUA

10/10/2016 às 16h34

15_phab2_pro625.jpg
Foto:

Finalmente sabemos quando teremos o primeiro smartphone com o Project Tango, do Google. As informações são da CNET.

Isso porque o Lenovo Phab2 Pro, que teve seu lançamento adiado em setembro, agora já tem um mês certo para chegar: novembro. Ainda não há uma data específica, mas já é melhor do que apenas dizer que ele chega no quarto trimestre, como a Lenovo tinha feito no mês passado.

Baseado na tecnologia de visão computacional do Projeto Tango do Google, o smartphone vai custar US$ 499, e conta com sensores de ponta, câmeras e um processador Snapadragon 652 da Qualcomm. O dispositivo pode ser usado para medir distâncias, reconhecer itens, localizações em mapas e fornecer navegação interna em tempo real. 

Um dos objetivos do Phab2 Pro é melhorar a navegação interna, quando o GPS tipicamente não funciona bem. Em um museu, por exemplo, o modelo poderia guiar um visitante a um quadro específico e apresentar informações sobre o artista e seu trabalho. O smartphone poderia também guiar uma pessoa a uma seção específica em um centro de convenções, algo que um sistema de navegação convencional não consegue fazer. 

Além disso, o smartphone entregará novas experiências em games de realidade aumentada e até mesmo a experiência de compra de móveis para sua casa. Alguém que pensa em remodelar a cozinha, poderia sobrepor as imagens de um armário de uma loja virtual no cômodo real. O Phab2Pro consegue prever como a nova cozinha seria.

A Lenovo, inclusive, já tem fechado parcerias com nomes do varejo para que usuários e clientes possam usar o Phab2 para pré-visualizarem um novo móvel para sua casa. 

A realidade aumentada é possível devido a uma série exclusiva de sensores e hardware no smartphone. Os sensores conseguem estabelecer consciência contextual e localização ao entender a posição do aparelho, movimento, imagens e localização, explicou Meredith.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail