Home > Notícias

“Facebook Phone” pode ser lançado primeiro semestre de 2011

Aparelho chegaria primeiro à Europa e no semestre seguinte aos EUA, onde seria vendido por US$ 100.

Redação do IDG Now!

23/09/2010 às 16h13

Foto:

O Facebook estaria trabalhando em conjunto com a INQ Mobile para lançar um smartphone com a sua marca e que seria comercializado pela operadora AT&T no primeiro semestre de 2011 na Europa e na segunda metade do ano nos Estados Unidos. As informações são do canal Bloomberg.

Segundo o veículo, serão oferecidos dois modelos do “Facebook Phone”, sendo que um modelo teria teclado QWERTY e tela touchscreen e o segundo, uma display multitouch, sem teclado, semelhante ao iPhone. Seu sistema operacional seria baseado no Android (do concorrente Google), mas os executivos da rede social ainda não sabem se os aparelhos incluirão a marca Facebook no aparelho.

De acordo com pesquisas, um quarto dos mais de 500 milhões de usuários do Facebook acessa a rede social a partir de dispositivos móveis. E o provável aparelho com a sua marca traria um número maior de serviços agregados da plataforma, incluindo o Places, sua ferramenta de localização. Com isso, a rede de Mark Zuckerberg pretende aumentar o número de pessoas que acessam suas páginas, permitindo maior exibição de anúncios, que geram grande parte da receita da empresa. Atualmente, os aplicativos usados para acessar o Facebook em telefones e tablets não apresentam publicidade.

O “Facebook Phone” chegaria primeiramente à Europa por uma questão logística. Isso porque a INQ Mobile tem laços estreitos com algumas empresas do setor de telecomunicações e diversas transportadoras aéreas da região. Segundo fontes ouvidas pela Bloomberg, o aparelho poderia ser lançado no início de abril do ano que vem no Velho Continente e nos EUA, em julho ou agosto. O preço em território norte-americano seria a partir 100 dólares, já que os dispositivos contariam com o subsídio da AT&T.

Facebook não confirma aparelho...mas também não o nega

Contatados para falar sobre assunto, representantes do Facebook não confirmam o desenvolvimento do aparelho, mas também não negam a existência do projeto. Segundo eles, a rede social “trabalha há muito tempo com a INQ Mobile para ajudar-lhes a criar uma experiência com o Facebook totalmente integrada aos seus dispositivos”. Eles afirmam que não podem falar sobre projetos de produtos em desenvolvimento, mas declararam que “quase todas as experiências seriam melhores se fossem sociais”. E que eles pretendem integrar seus serviços em softwares de dispositivos móveis de forma mais eficiente.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail