Home > Notícias

4 em cada 10 brasileiros sedentários utilizam apps para fazer exercícios

Quase metade das pessoas que não têm costume de praticar atividade física preferem recorrer a ferramentas móveis do que uma academia tradicional

Da Redação

18/01/2019 às 14h30

Foto: Shutterstock

Nas promessas para 2019, muita gente deve ter estipulado a meta de entrar em forma. E uma pesquisa recente indica que a tecnologia será uma poderosa aliada nesse quesito, uma vez que 40% dos brasileiros sedentários consideram iniciar a prática de atividades físicas graças aos aplicativos de celular.

O dado foi obtido pela startup de exercícios com uso de inteligência artificial Freeletics, que elaborou o primeiro Mapa Nacional do Impacto da Tecnologia no Esporte e Sedentarismo. O relatório ouviu 2.046 pessoas nas cinco regiões do Brasil e que não praticam nenhum tipo de atividade ou esporte.

De acordo com a pesquisa, 37% dos entrevistados substituiriam totalmente a academia pelo uso de apps que auxiliam na montagem de treinos e circuitos. Apenas 18% dos ouvidos acreditam que os aplicativos não seriam tão efetivos quanto os exercícios realizados em academias tradicionais.

Seis em cada 10 usuários (61%) não estão dispostos a pagar por educadores físicos por considerarem os valores muito caros, embora 73% das pessoas afirmam acreditar que praticar exercícios acompanhado de um treinador melhoraria muito os resultados obtidos nos treinos. A mesma porcentagem disse que as plataformas móveis também ajudassem a controlar a alimentação, fornecendo dicas e sugestões.

"As inovações tecnológicas têm facilitado a vida das pessoas em diversas áreas. Poder fazer exercícios físicos a qualquer hora do dia, em qualquer lugar e com um personal trainer digital disponível no próprio bolso é uma mudança muito interessante na forma como as pessoas se exercitam", destaca Daniel Sobhani, CEO da Freeletics.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail