Home > Notícias

Acer lança laptops verdes em parceria com Greenpeace

Produtos não contêm substâncias tóxicas policloreto de vinila (PVC) e retardadores de chama bromados (BFR), e podem ser reciclados.

IDG News Service

15/01/2010 às 9h57

Foto:

A Acer lançou dois laptops em conjunto com o grupo ambiental Greenpeace, na sexta-feira (15/1). As máquinas são livres de duas substâncias tóxicas, o policloreto de vinila (PVC) e retardadores de chama bromados (BFR).

O Greenpeace elogiou os modelos Aspire 3811TZ e Aspire 3811TZG como parte de um programa para encorajar empresas a produzir mais produtos que não prejudiquem o meio ambiente. A novidade deve melhorar a posição desfavorável da Acer no ranking de eletrônicos 'verdes' do Greenpeace. Na listagem mais recente, a empresa aparece na décima segunda posiçao.

Os laptops integram a linha Timeline de aparelhos finos e leves que usam microprocessadores Intel Core 2 Duo e apresentam baixo consumo de bateria.

Além de serem livres de PVC e BFR, com exceção da fonte, os dois
laptops também foram feitos para consumir pouca energia e podem ser
reciclados, segundo a Acer.

“As características químicas do PVC
e do BFR podem gerar substâncias tóxicas como dioxinas no fim da
vida-útil dos produtos. A redução dessas substâncias nos produtos da
Acer vai ajudar a proteger o meio ambiente de ser contaminado por bens
eletrônicos”, disse a Acer.

O PVC é um plástico barato e durável
usado em muitos produtos eletrônicos e cabos. Ele foi considerado um
“inimigo” dos grupos ambientais por não ser biodegradável. A União
Europeia baniu alguns aditivos usados para fazer o PVC mais flexível
com preocupações sobre o uso dele em brinquedos infantis.

Já o BFR é usado em plásticos para prevenir que produtos peguem fogo,
mas estudos recentes identificaram a substância acumulada no meio
ambiente sendo absorvida por animais e passada para seus descendentes.

acer_aspire_500.jpg

Além
dos esforços nos novos laptops, a Acer possui plano
ambiental próprio. A empresa em 2005 afirmou que eliminaria o uso de
PVC, BFR e outras substâncias químicas de seus produtos até 2009.
Aparentemente a empresa está atrasada em seu planejamento.
acer_aspire2_500.jpg

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail