Home > Notícias

Ações contra blogueiros nos EUA aumentam nove vezes e quatro anos

Em 2007, foram iniciadas 106 ações judiciais contra usuários de blogs e redes sociais. Em 2003, foram apenas 12, mostra estudo.

Redação do IDG Now!

21/05/2009 às 8h34

Foto:

O número de processos nos Estados Unidos contra blogueiros e usuários de redes sociais e fóruns na internet é cada vez maior. Em 2007, os dados mais recentes disponíveis, foram registradas 106 ações contra apenas 12 em 2003. Os números foram levantados pelos integrantes do Projeto Citizen Media Law do Berkman Center for Internet & Society da Universidade de Harvard.

Segundo o jornal The Wall Street Journal, muitos dos processos são tirados da corte e resolvidos antes do julgamento - porém, não antes de causar dor de cabeça aos acusados.

Leia também: 
> Cuidado com o que você 'fala' em redes sociais

Embora a probabilidade de o requerente vencer a ação judicial não seja alta, um blogueiro pode ir à falência apenas para se defender de uma delas, disse Miriam Wugmeister, especialista em leis sobre privacidade e segurança de dados. Até 2007, os processos somavam cerca de 17,4 milhões de dólares em pedidos de indenizações.

O número de processos contra blogueiros deve continuar crescendo, uma vez que o volume de pessoas que postam informações na web só aumenta. Redes sociais como LinkedIn, Facebook, MySpace, Orkut e Twitter permitem que comentários precipitados atinjam milhares de usuários em questão de minutos.

Ao mesmo tempo, as empresas estão aumentando o uso de tecnologias para varrer a internet em busca de material protegido por direitos autorais e notícias negativas. Como resultado, blogs que se propõem analisar qualquer coisa - de professores do colégio a médicos e empreiteiros - estão sendo processados por suas avaliações, afirma o Centro Berkman.

pcw_logo_twitter_73.jpg
> Siga PC WORLD no Twitter em http://twitter.com/pcworldbrasil

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail