Home > Notícias

Acordo entre Yahoo e Microsoft pode não valer na China

Na China, Yahoo é controlado pela Alibaba, gigante do comércio eletrônico, e decisões são independentes da matriz norte-americana.

IDG News Service/China

30/07/2009 às 10h25

Foto:

O acordo na área de buscas fechado entre o Yahoo e a Microsoft na quarta-feira (29/7) pode não se aplicar à China. No país, as operações do Yahoo são controladas pela gigante de comércio eletrônico Alibaba Group.

Não está claro se a Microsoft estaria buscando separadamente um acordo com a Alibaba nos mesmos termos do acordo anunciado - que incluirá o buscador Bing no portal e, em troca, dará à Microsoft 12% da receita gerada nos anúncios vendidos pelo Yahoo. No comunicado oficial do acordo, a Microsoft anunciava o negócio como “global”.

Um porta-voz da Alibaba declarou ao IDG News Service que o negócio não afeta as propriedades do Yahoo na China, pois a unidade é totalmente independente das decisões da companhia nos Estados Unidos.

O Yahoo adquiriu 40% das ações do grupo Alibaba em 2005. Como parte da fusão, o Yahoo cedeu o controle de suas operações chinesas ao grupo de e-commerce. Os representantes da Microsoft e do Yahoo se recusaram a comentar como o acordo será desenvolvido no país.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail