Home > Notícias

Adobe vai descontinuar plug-in Shockwave em abril

De acordo com a empresa, solução não é mais tão moderna e segura do que o HTML5 Canvas ou WebGL

Da Redação

11/03/2019 às 16h35

Foto: Shutterstock

Além do Flash, mais um "dinossauro" da internet chegará ao fim nos próximos meses: o Shockwave. A Adobe anunciou que vai descontinuar oficialmente a plataforma multimídia no próximo dia 9 de abril, quando todas as aplicações baseadas no serviço serão encerradas. Os únicos a manter o plug-in serão usuários empresariais - neste caso, eles contarão com suporte até 2022.

De acordo com a Adobe, o Shockwave não é mais uma solução viável frente a outras tecnologias, como o HTML5 Canvas e o WebGL que, além de serem mais simples de lidar, são modelos mais seguros para o desenvolvimento de apps e games para navegador. O player já não estava mais disponível para macOS desde 2017, e agora o Windows é o próximo sistema a eliminar a plataforma.

Para quem ainda possui a aplicação no computador, a Adobe recomenda fazer a remoção manualmente, e que desenvolvedores que ainda trabalham com o serviço utilizem outros formatos. Para o Flash, é o mesmo procedimento: o plug-in será descontinuado por completo até dezembro de 2020, com as empresas e a própria Adobe indicando o uso de outras soluções.

Com informações: Gizmodo via Adobe

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail