Home > Notícias

Agência britânica se queixa à CE contra prática comercial da Microsoft

Governo inglês encaminhou reclamação à Comissão Européia sobre a dificuldade de trocar arquivos entre o Office e a concorrência.

IDG News Service/ França

13/05/2008 às 10h12

Foto:

A relutância da Microsoft em permitir que o pacote de aplicativos Office seja compatível com produtos rivais levou a The British Educational Communications and Technology Agency (BECTA) a reclamar junto à Comissão Européia.

A agência já está investigando as condutas da empresa nesta área, alegando que a Microsoft impede a troca de arquivos entre o Office 2007 e produtos de outros fabricantes, além de dizer que suas práticas de licenciamento voltadas à educação são anticompetitivas.

A reclamação da BECTA vem à tona alguns dias após a Microsoft anunciar que recorrerá à multa de 1,3 bilhão de dólares imposta pela Comissão Européia em fevereiro, por não fornecer dados importantes sobre a interoperabilidade de seus produtos, como o órgão pediu em março de 2004, em seu processo antitruste.

A Comissão iniciou duas novas investigações antitruste contra a Microsoft em janeiro deste ano - uma com relação à interoperabilidade do Windows com outros softwares e outra sobre a tática da empresa de “empacotar” softwares junto com o Windows.

Como parte da primeira investigação, a Comissão analisará se o formato Office Open XML é operável o suficiente com outros produtos. A BECTA já enviou evidências para auxiliar o órgão nestas análises.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail