Home > Notícias

Amazon leva assistente Alexa ao seu app principal em aparelhos iOS

Usuários de iPhone e iPad poderão usar as habilidades da Alexa para comprar produtos no app, além de pedir para assistente rodar vídeos e música

IDG News Service

21/03/2017 às 12h01

amazon-ios-app-.jpg
Foto:

A assistente inteligente da Amazon, a Alexa, está entrando no território da Siri. 

Na última semana, a Amazon começou a liberar a Alexa e suas habilidades ativadas por voz em seu aplicativo principal para aparelhos iOS. 

Isso significa que usuários de iPhone e iPad agora podem fazer perguntas a Alexa, incluindo rastrear pedidos e pedir para rodar vídeos no Prime e música no aplicativo da Amazon. 

Segundo a companhia, depois de um lançamento inicial, a Alexa ficará disponível para todos os usuários do sistema operacional da Apple a partir desta semana. 

Entretanto, o aplicativo Amazon para iOS não apresentará a habilidade Door Lock que a gigante do varejo apresentou no mês passado e que dá aos usuários a habilidade de controlar fechaduras inteligentes. E usuários do iPhone ainda precisarão do aplicativo dedicado Alexa para mudar suas configurações. 

Vale ressaltar que ainda o aplicativo principal da Amazon já apresenta o recurso de busca por voz, mas isso envolve apenas tecnologia de reconhecimento de voz e não assistência inteligente. 

Anteriormente, usuários de iPhone já conseguiam acessar as habilidades da Alexa com aplicativos terceiros como o Lexi e o Roger. Mas esses apps "alimentados com a Alexa" possuíam algumas limitações e, claro, eles não transformavam um iPhone exatamente em um Echo. A ideia aqui é que possamos, provavelmente, esperar uma integração nativa da Alexa com o iOS mais robusta.

Por que isso importa

Além de ajudar usuários de iPhone com consultas básicas como obter informações sobre o clima, a Alexa possui uma vantagem sobre a Siri. A assistente inteligente de voz da Amazon já acumulou mais de 10 mil integrações ou "habilidades", que vão desde controlar uma série de dispositivos domésticos inteligentes a pedir comida de parceiros. 

A Amazon, de fato, está apostando nessas integrações para fazer da Alexa o mais útil possível. Recentemente, a companhia até mesmo começou a oferecer um crédito de 100 dólares para o seu serviço de nuvem, a Amazon Web Services, para encorajar desenvolvedores a criarem mais habilidades para a Alexa. 

Agora, dar aos usuários do iPhone a chance de interagirem com a Alexa irá apenas torná-la mais inteligente e mais útil ao torná-la capaz de aprender e executar funções que não são, necessariamente, amarradas a um dispositivo Echo.

 

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail