Home > Notícias

Amazon rejeita aplicativo para loja online no iPhone

Desenvolvedores do aplicativo Mazo afirmam que Amazon não permitiu o uso de sua API em plataformas móveis. O Mazo permitia criar carrinhos de compras para aquisição posterior.

Macworld/EUA

26/11/2008 às 10h23

Foto:

Aplicativos excluídos da App Store não são novidade, mas agora o novo "alvo" é o Mazo, um programa que dá acesso ao inventário da Amazon.com. A diferença é que o aplicativo não foi rejeitado pela Apple e sim pela própria Amazon.

O Mazo permitia aos usuários navegar e buscar produtos no site de compra online em uma interface adaptada, visualizar fotos em tamanho completo e ter acesso a reviews de itens, além de poder enviar e-mails com os produtos e criar carrinhos de compras que poderiam ser usados futuramente para aquisição posterior via site.

De acordo com a Empty Factory, desenvolvedora do Mazo, a Amazon solicitou uma permissão para utilizar sua API nas plataformas móveis e negou ter dado consentimento ao Mazo.

A Empty Factory já vende dois aplicativos na App Store: Areas, um banco de dados de códigos de áreas e países para números de telefone (3 dólares) e o Unity, conversor de unidades e moedas (1 dólar). O Mazo seria oferecido gratuitamente.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail