Home > Notícias

AMD deve entrar no mercado de chips para mininotebooks em 2009

Plano é competir diretamente com a Intel e seu chip Atom, com processadores para netbooks com display de até 10 polegadas.

IDG News Service/ EUA

14/11/2008 às 10h42

Foto:

A AMD entrará no mercado de ultraportáteis em 2009, começando as vendas de processadores para mininotebooks que rodam aplicativos básicos para web e e-mail, anunciou a empresa na quinta-feira (13/11).

Os chips terão design ideal para se adequar a laptops com tela menor que 10 polegadas, e têm como alvo usuários que desejam notebooks secundários, disse a AMD.

O primeiro modelo, apelidado de Conesus, terá 1 MB de cache e será lançado em 2009. O próximo, apelidado de Geneva, terá suporte a 2 MB de cache e chega ao mercado em 2010.

Os processadores devem ser bons o suficiente para oferecer mais do que uma “experiência online básica”, segundo o vice-presidente sênior do grupo de soluções da AMD, Randy Allen.

O plano da AMD é competir diretamente com a Intel, que hoje domina o mercado de netbooks com o chip Atom - ele está presente, por exemplo, nos Eee PC da Asus, além de MIDs (do inglês mobile Internet devices).

Nos próximos dois anos, os processadores da AMD incluirão modelos dual core e com suporte para memória DDR3. A AMD também criará chips que funcionem em ultraportáteis mais potentes - pequenos, mas que oferecem a experiência completa de um PC.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail