Home > Notícias

Americanos perdem 637 mil notebooks a cada ano em aeroportos do país

Estudo do Ponemon Institute estima que viajantes percam mais de 10 mil máquinas por semana nos 106 aeroportos dos EUA.

ComputerWorld/EUA

01/07/2008 às 10h36

Foto:

Uma pesquisa divulgada nesta terça-feira (01/07) pelo Ponemon Institute estima que mais de 637 mil notebook sejam perdidos todo ano nos 106 maiores aeroportos dos Estados Unidos, principalmente em pontos de checagem de segurança.

Cerca de 10.278 laptops são esquecidos semanalmente nos 36 maiores aeroportos avaliados pelo estudo, e cerca de 65% deles nunca voltam aos seus donos, diz a pesquisa. Cerca de 2 mil laptops são perdidos nos aeroportos de tamanho médio, com taxa de esquecimento de 69%.

O instituto conversou com 864 passageiros em 46 Estados. Os cinco aeroportos onde mais se perdem laptops são Los Angeles International, Miami International, John F. Kennedy International, Chicago O'Hare e Newark Liberty International.

Viajantes parecem não ter confiança que recuperarão seus laptops. Cerca de 77% dos entrevistados afirmaram que não tinham qualquer esperança de recuperar um notebook no aeroporto, com 16% afirmando que não fariam nada para recuperar um gadget durante uma viagem corporativa.

Cerca de 53% dos laptops continham dados confidenciais de empresas, com 65% admitindo que não fariam nada para proteger os dados.

Aeroportos, junto a hotéis e carros estacionados, são lugares onde os laptops são mais facilmente roubados, afirmou a Comissão Federal de Negócios (da sigla em inglês, FTC). A confusão de passar por pontos de checagem de segurança pode facilitar a perda do laptop, tornando-os pontos ¨férteis para roubos¨, afirma a FTC.

A FTC recomenda usuários a tratar laptops como ¨dinheiro¨. Como um bolo de dinheiro, um notebook em ambiente público, como no banco de trás do carro ou em um aeroporto, pode atrair atenção indevida.

O roubo de laptops é comum nos EUA, afirmou Mike Spinney, porta-voz do Ponemon Institute. Em um estudo conduzido peo instituto, 76% das companhias questinadas reportaram que perderam um ou mais laptops por ano, dos quais 22% eram por conduta criminosa.

Muitas pessoas têm vergonha de reportar laptops roubados, sabendo que deixaram os aparelhos onde não deveriam, afirma Spinney.

A pesquisa da Ponemon foi encomendada pela Dell.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail