Home > Notícias

Aplicativo da Google permite explorar o corpo humano

Body Browser roda diretamente no navegador, e permite ao usuário visualizar, em três dimensões, músculos, ossos, veias e nervos

PC World/US

17/12/2010 às 16h26

Foto:

Atenção, médicos: a Google está entrando no jogo de explorar o corpo humano.

A abordagem da empresa, no entanto, tem um fim educacional. O aplicativo Body Browser (Explorador do Corpo), acessível a partir do Google Labs, usa as tecnologia HTML5 e WebGL – padrão para gráficos 3D na Internet – permitindo ao usuário explorar o corpo humano com a ajuda de imagens bem detalhadas.

Impressões
Antes de mais nada, um aviso: o programa, provavelmente, não irá rodar em seu navegador. Poucos softwares suportam o padrão WebGl, por ser uma tecnologia nova, e a maioria está ainda testando uma possível implementação. Por enquanto, os únicos aptos à tarefa são os últimos betas do Chrome e do Firefox, mas não deverá demorar muito para que as versões finais desses navegadores estejam concluídas.

Ao abrir o Body Browser, você se deparará com o corpo de uma mulher vestindo trajes de ginástica. Os botões à esquerda controlam a rotação e o zoom, mas é possível fazer o mesmo com movimentos de arrastar e soltar do mouse.

O mais interessante, porém, começa quando se usa os controles de camadas. Com ela, você vai vasculhando as partes internas do corpo, tendo, assim, uma boa visão da anatomia humana. No primeiro nível, a estrutura muscular. Depois, o esqueleto. Aí vêm os órgãos, as artérias, as veias, até que não há mais nada além dos nervos.

Para saber mais sobre o que está sendo exibido, basta clicar em “labels” (etiquetas) e um texto explicativo é apresentado. Com esta opção ativada, por sinal, pequenas legendas aparecerão em cada objeto selecionado, facilitando a identificação.

Como o produto é da Google, é óbvio que ele inclui uma busca personalizada. Digite o nome de qualquer músculo, osso ou órgão e o Body Browser o levará até ele. Outro ponto positivo é que, a cada movimento, uma nova URL é gerada, de modo a facilitar o compartilhamento de sua posição com um conhecido.

A companhia de Mountain View, sabendo que o corpo de um homem e de uma mulher possuem importantes distinções, promete que, em breve, adicionará ao aplicativo um avatar masculino para ser explorado.

Veja vídeo demonstrando o funcionando do aplicativo:

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail