Home > Notícias

Após reclamações, Twitter introduz botão contra tweets abusivos

O microblog revisou suas diretrizes de comportamento abusivo depois de ameaças de estupro feitas a várias usuárias do serviço no Reino Unido.

Jeremy Kirk, IDG News Service

05/08/2013 às 8h51

Foto:

"Queremos que as pessoas se sintam seguras no Twitter, e queremos que as regras do Twitter para o envio de mensagens sejam suficientemente claras para que as pessoas saibam o que não é um comportamento aceitável", escreveram Del Harvey, diretor sênior de confiança e segurança, do Twitter e Tony Wang, gerente geral do serviço no Reino Unido em um post no último sábado, ao anunciar revisões nas diretrizes de comportamento abusivo, depois de ameaças de estupro feitas a várias usuárias do Twitter na Inglaterra.

A empresa também está modificando sua interface para tornar as denúncias de ameaças e abusos mais fácil. Embora os usuários já pudessem denunciar comportamentos abusivos, o Twitter está agilizando esse procedimento, criando um botão dentro dos tweets que permitirá às pessoas enviar uma denúncia direta, como já acontece com SPAM.

O botão já foi introduzido na última versão do aplicativo do Twitter para a plataforma iOS (imagem abaixo) e em seu site móvel. No próximo mês, o botão aparecerá em seu aplicativo Android e no Twitter.com.

botaotwitter

Segundo publicou a BBC no domingo, a polícia inglesa está investigando oito ameaças de estupro feitas por meio da rede social.
No sábado, Wang escreveu: "Eu, pessoalmente, peço  desculpas às mulheres que sofreram abuso no Twitter. O abuso que receberam simplesmente não é aceitável. Não é aceitável no mundo real, e não é aceitável no Twitter", disse ele em uma sequência de tweets.

O Twitter também planeja contratar mais funcionários para suas equipes que lidam com denúncias de abuso e que exploram "novas formas de uso da tecnologia para melhorar a experiência de todos no Twitter", escreveram Harvey e Wang.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail