Home > Notícias

Apple afirma que serviços iCloud e Find my iPhone não têm brechas

Empresa afirma que vazamento de fotos íntimas de 101 celebridades no final de semana seria resultado de ação dirigida de hackers

Zach Miners - IDG News Service

03/09/2014 às 8h22

icloud metal 520.png
Foto:

A Apple afirmou no final desta terça-feira que um ataque calculado por hackers, direcionado para descobrir nomes de usuários, senhas e perguntas de segurança, teria sido responsável pelo roubo e vazamento de fotos íntimas de 101 celebridades durante o final de semana.

A companhia liberou comunicado afirmado que nenhum dos ataques deveu-se a falha ou brecha em seus serviços de cloud, incluindo o iCloud ou Find my iPhone. "Continuamos a trabalhar com as autoridades policiais e legais para ajudar a identificar os criminosos envolvidos", escreve a empresa no comunicado. 

“Depois de 40 horas de investigação descobrimos que contas de várias celebridades foram comprometidas por um ataque direcionado para descobrir nomes de usuário, senhas e perguntas de segurança, uma prática que é muito comum na internet”, diz a companhia.

A Apple alerta os usuários dos serviços de nuvem para utilizar senhas fortes e habilitar o sistema de verificação de dois passos, um processo que pede que o usuário digite um código numérico que é enviado para seu dispositivo móvel depois que eles digital seu nome de usuário e senha.

A empresa já passou mais de 40 horas investigando o incidente. No final de semana, imagens de várias atrizes e modelos nuas foram publicadas no site 4chan e no Reddit. As imagens teriam sido roubadas dos smartphones por cibercriminosos e a suspeita inicial é que haveria uma brecha nos serviços de nuvem da Apple.

A lista de celebridades afetadas inclui Jennifer Lawrence, Kate Upton e Rihanna, entre outras.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail