Home > Notícias

Apple desistiu de exclusividade no iPhone, indicam novos acordos

SingTel oferecerá celular em Cingapura, Índia, Austrália e Filipinas, onde outras operadoras venderão aparelho.

IDG News Service/Cingapura

12/05/2008 às 11h07

Foto:

O iPhone, da Apple, estará disponível por mais de uma operadora na Austrália e na Índia até o final do ano, mais um sinal de que a empresa está desistindo dos seus acordos de exclusividade para distribuição do celular, com o intuito de aumentar sua participação no mercado.

Nesta segunda-feira (12/05), a SingTel anunciou que fechou um acordo com a Apple para oferecer o iPhone em Cingapura, na Índia, na Austrália e nas Filipinas.

Na semana passada, a Vodafone informou que venderia o celular em dez países, incluindo Austrália, Índia e Itália. No mesmo dia, a Telecom Itália divulgou que também distribuirá o iPhone na Itália, indicando que a Apple não está mantendo seu modelo de negócio de parcerias exclusivas.

O acordo da Vodafone excluiu suas redes no Reino Unido e na Alemanha, onde a Apple já firmou parceria exclusiva com as operadoras O2 e a T-Mobile.

Já o acordo da Apple com a SingTel envolve diversas operadoras. A SingTel Mobile vai distribuir o iPhone em Cingapura, enquanto a Optus o venderá na Austráia. A Bharti Airtel e a Globe Telecom serão as responsáveis pela distribuição na Índia e nas Filipinas, respectivamente.

A Optus é uma subsidiária da SingTel, e a Bharti Airtel e a Globe Telecom são empresas afiliadas que têm a SingTel como investidora.

A SingTel deu singelas pistas de quando começaria a vender o iPhone, dizendo que o aparelho estará até o final do ano nos mercados em que ela atuará.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail