Home > Notícias

Apple é criticada por abrir download do Safari a usuários do Windows

CEO da Mozilla diz que oferta do novo browser a todos os usuários pelo Apple Software Update fere a segurança na internet.

Por IDG News Service/EUA

24/03/2008 às 8h59

Foto:

A Apple atualizou seu navegador Safari para Mac e Windows na última quinta-feira (20/03) e passou a oferecer, via iTunes, a nova versão de seu browser também a usuários do sistema operacional da Microsoft, que não usam o Safari.

Está "errado", disse John Lilly, Chief Executive Officer da Mozilla, distribuidora do browser de código aberto Firefox, a respeito da estratégia da Apple.

"Isso mina a relação de confiança que ótimas companhias têm com seus clientes, e isso é ruim - não apenas para a Apple, mas para a segurança de toda a internet", comentou Lilly em seu blog.

A aplicação Apple Software Update é inserida em PCs com Windows quando os programas iTunes e QuickTime são instalados.

Lilly diz que não vê um problema se a Apple usar sua ferramenta de atualização para manter os usuários em dia com as novas versões do iTunes e do QuickTime, ou de qualquer outro software da empresa já instalado na máquina do consumidor. O problema, segundo ele, é que mesmo que a pessoa não tenha o Safari em seu sistema, a Apple ofereceu o programa como padrão na lista de atualizações.

"Todos os fornecedores de software estão tentando conquistar a confiança dos usuários em atualizações, fazendo com que o comportamento esperado seja apenas clicar na mensagem 'Instale 2 itens', fazendo com que eles baixem um software completamente novo, muito provavelmente sem esta intenção", explicou o CEO da Mozilla.

Na avaliação de Lilly, a prática da Apple com a atualização do Safari "definitivamente mina a segurança dos usuários na web afetando a relação de confiança. É uma prática ruim e deveria parar", ele conclui.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail