Home > Notícias

Apple e outras fabricantes pedem taxa por gadgets na Europa

Apple, Nokia, Motorola e outros fabricantes querem taxa unificada para compensar pirataria de música na Europa.

Macworld/EUA

27/05/2008 às 11h39

Foto:

Empresas como Apple, Nokia, Motorola e outros fabricantes de gadgets de consumo parecem estar se preparando para discutir uma taxa sobre vendas dos aparelhos na Europa.

Isto pode significar que clientes comprando iPods, iPhones, Macs e outros eletrônicos de consumo poderão ter um aumento de preço nos próximos meses em razão da taxa.

Tal taxa, focada para compensar os detentores de direitos autorais contra a cópia privativa de conteúdo multimídia, já está vigente em 22 dos 27 países da União Européia. Existem grandes diferenças entre as taxas aplicadas nos países.

Companhias de eletrônicos vêm lutando contra qualquer tentativa de impor uma taxa em toda a Europa por muitos anos, mas as coisas parecem estar mudando.

O CEO da Nokia, Olli-Pekka Kallasvuo, e CEO da Motorola, Greg Brown, estão entre os signatários de uma carta para a Comissão Européia afirmando que estão dispostos a "explorar novas maneiras" em uma disputa que está travada desde a década de 60, afirma o Financial Times.

Apple, Nokia e Motorola agora afirmam que estão dispostas a aceitar tais custos, desde que sejam definidos no mesmo nível pela Europa, sugere a notícia.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail