Home > Notícias

Apple está imune ao lançamento do Windows 7, diz analista

A chegada do novo sistema da Microsoft não deve afetar as vendas de Macs; estimativa é de crescimento de 20% no quarto trimestre de máquinas da Apple

Gregg Keizer, Computerworld

13/10/2009 às 14h57

Foto:

Na semana que vem, a Microsoft deve lançar o Windows 7, nova versão de seu popular sistema operacional. E isso deve afetar as vendas da Apple? Segundo um analista de Wall Street, não.

“Estudei o impacto dos últimos quatro lançamentos de Windows e não encontrei qualquer relação entre a chegada dos softwares com as vendas de Macs", afirma o analista da Broadpoint AmTech, Brian Marshall.

Depois de comparar a venda de computadores da Apple com o lançamento do Windows 98 (junho de 1998), Windows 2000 (fevereiro de 2000), Windows XP (outubro de 2001) e Vista (janeiro de 2007), Marshall afirma que, com exceção do lançamento do Windows 2000, as vendas de computadores Mac só cresceram.

O maior crescimento após um lançamento de um sistema da rival aconteceu na chegada do Vista, segundo Marshall, fato atribuído a vários especialistas à migração de usuários de Windows descontentes para o mundo Mac, por conta da performance limitada do Vista.

Segundo o analista, a Apple possui uma pequena fatia do mercado, que não depende de seus concorrentes. "Conforme a empresa crescer, isso mudará”, explica. De acordo com o analista, esse ponto de mudança deve acontecer com a chegada a 10% de participação no mercado de computadores pessoais, prevista para os próximos cinco anos. “Ou seja, a próxima versão do Windows pode trazer riscos para Apple, mas o Windows 7 não terá impacto.”

Marshall também prevê o retorno da Apple a um forte ritmo de crescimento no último trimestre de 2009, indicação de que a companhia passou pela crise econômica mundial muito melhor que a maioria dos fabricantes de computadores.

Ele estima que as vendas de Mac de dezembro a outubro superem 3 milhões de unidades, o que deve representar um crescimento de mais de 20% em relação a 2008. Devem colaborar com esses resultados os cortes nos preços.

A Apple deve anunciar seus resultados do terceiro trimestre na semana que vem. Marshall acredita que a Apple vendeu cerca de 2,8 milhões de Macs no terceiro trimestre do ano, o que deve representar crescimento de 7% em relação ao ano passado.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail