Home > Notícias

Apple nega mudança de foco no Final Cut Studio

Segundo site americano, próxima versão do pacote de edição de vídeo não teria como alvo o público profissional

Macworld / EUA

20/05/2010 às 10h05

Foto:

A Apple negou informações de que a próxima versão do pacote de edição de vídeo Final Cut Studio vai ser muito diferente, com um foco menor no público profissional, segmento que tem como alvo.

Na última terça-feira, 18/5, o site AppleInsider noticiou que havia recebido informações sobre o futuro do pacote por meio de uma fonte com conhecimento dos planos internos sobre os Pro Apps (Aplicativos Profissionais) da companhia de Steve Jobs.

A fonte teria dito à publicação que havia sido feita uma grande repaginação da equipe de administração do pacote, com a intenção de “redirecionar seus esforços para ficarem mais próximos das necessidades da maioria de seus consumidores”.

De acordo com a notícia, atualmente a Apple vende mais unidades do Final Cut Express (US$ 199 nos EUA e R$ 549 no Brasil), direcionado ao público geral, do que da versão Studio (US$ 999 nos EUA e R$ 2.599 no Brasil), direcionada a profissionais da área.

Mas em uma declaração posterior, o porta-voz da Apple disse à Macworld que “o Final Cut Pro é a primeira opção de editores profissionais de vídeo e nunca estivemos tão animados com seu futuro. A próxima versão do Final Cut será ótima e nossos consumidores profissionais vão amá-la.”

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail