Home > Notícias

Apple negocia com editora para distribuição de e-books

Segundo o The Wall Street Journal, empresa teria se encontrado com outras editoras; HarperCollins deseja aumentar preço de livro, adicionando extras.

IDG News Service/Beijing

18/01/2010 às 23h42

Foto:

A Apple está negociando com a editora HarperCollins a oferta de e-books para o futuro tablet da Apple, afirmou o jornal The Wall Street Journal.

Os detalhes não foram finalizados, mas a editora espera oferecer e-books com "recursos adicionais" e ter a liberdade de definir seus próprios preços, informou o jornal, citando fontes próximas ao negócio. Pelo acordo, a Apple levaria uma fração da receita.

A Apple também se reuniu com outras editoras, mas não se sabe se a Apple pretende abrir uma loja online para os livros ou vendê-los por meio do iTunes.

A Apple convidou jornalistas para um evento em San Francisco (EUA) em 27/11. A empresa planeja usar o evento para revelar um muito comentado porém não confirmado aparelho tablet, que poderia combinar e-book, navegação web e outras funções multimídia.

A HarperCollins afirmou recentemente que poderia vender e-books a preços mais altos se acompanhados com recursos extras, como aplicações de rede social, vídeo ou entrevistas com o autor, ressalta o artigo.

As conversas da editora com a Apple podería representar um desafio à Amazon.com, que atualmente é a maior empresa do mercado de e-books. A Amazon vende e-books para leitura em seu popular leitor Kindle.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail