Home > Notícias

Apple quer proibir a venda da linha Galaxy no Japão

Após conseguir proibições na Alemanha e na Holanda, companhia tenta barrar tablets e smartphones da Samsung no país asiático; empresa acusa rival de violar patentes do iPhone e iPad

Macworld / Reino Unido

08/09/2011 às 11h12

Foto:

A Apple disparou mais um golpe contra a Samsung ao iniciar uma ação judicial no Japão, com o objetivo de barrar a venda dos smartphones e tablets Galaxy no país.

A empresa de Steve Jobs alega que o Galaxy Tab e o telefone Galaxy S violam patentes do iPad e do iPhone e, segundo a agência Kyodo, busca banir a venda dos aparelhos além de uma compensação de cerca de 1,1 milhão de dólares por danos.

Essa não é a primeira tentativa da Apple de banir as vendas da linha Galaxy no mercado. No mês passado, a corte de Dusseldorf, na Alemanha, concedeu uma determinação temporária para interromper as vendas do tablet Galaxy Tab 10.1 na Europa após a Apple alegar violação de direitos autorais.

“Não é nenhuma coincidência que os produtos da Samsung se pareçam muito com o iPhone e o iPad, desde seus formatos até o hardware, interface de usuário e até mesmo sua embalagem. Esse tipo de cópia descarada é errada, e nós precisamos proteger a propriedade intelectual da Apple quando as companhias roubam nossas ideias”, afirmou a Apple na época.

A proibição foi revogada na semana seguinte em todos os países da União Europeia com exceção da Alemanha, uma vez que o tribunal local não sabia se tinha poder para interromper as vendas em todo o continente.

Além disso, a corte regional de Dusseldorf concedeu à Apple na semana passada uma determinação que proíbe a venda do mais novo Galaxy Tab 7.7 na Alemanha. Como resultado, a Samsung teve de retirar o aparelho de exibição durante a feira de tecnologia IFA 2011, que foi realizada em Berlim nesta semana.

facebook foto 3D

Em um caso separado sobre as vendas na Holanda, uma proibição preliminar das vendas dos tablets e smartphones Galaxy será imposta após 13/10, uma vez que o tribunal local acredita que os produtos violam as patentes da Apple.

A Samsung, que prometeu lutar contra essa ação, respondeu ao processar a Apple, alegando que a rival infringiu algumas de suas patentes de tecnologia wireless.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail