Home > Notícias

Apple remove milhares de aplicativos “eróticos” da App Store

Empresa começou uma nova cruzada contra programas que abordam o tema; mais de 5 mil softwares podem ter sido bloqueados nos últimos dias

Redação da Macworld Brasil*

22/02/2010 às 9h05

Foto:

Na semana passada, alguns desenvolvedores de software para iPhone começaram a reclamar que seus programas tinha sido removidos da App Store, a loja online de aplicativos da Apple. Em comum, os programas tinham conteúdo relacionado a temas eróticos (só o tema, mesmo, pois a Apple já veta imagens de nudez há muito tempo).

Pois o que pareciam ser casos isolados, começou a ganhar forma com estatísticas como a divulgada pelo site MacRumors. Segundo a publicação, em um dia normal, são removidos cerca de 100 aplicativos são retirados da loja norte-americana. Pois na sexta (19/2) esse número teria chegado a 4 mil, atingindo 5 mil no sábado. Entre os programas vetados estão aplicativos que prometem fotos de mulheres de biquíni e até mesmo games que abordem conteúdo sexual.


A ação da Apple teria como objetivo atender a pedidos de consumidores que têm reclamado nos fóruns da Apple sobre a presença do chamado conteúdo adulto na App Store. A iniciativa pode parecer hipócrita. Afinal, conteúdo explícito já é proibido na loja há muito tempo. Alguns dos aplicativos barrados são tão “indecentes” quanto uma revista de esportes com fotos de provas de natação.

Além do mais, se a Apple quisesse mesmo proteger os usuários de iPhones e iPods touch de conteúdo com temas eróticos, teria que remover o Safari de seus aparelhos, pois é muito simples abrir um site sobre o tema, certo?

Na verdade, a Apple está preocupada em manter o iPod touch e o iPad com uma imagem de produtos livres desse tipo de conteúdo. Isso se deve ao fato de o iPod ser cada vez mais popular entre as crianças, como uma plataforma para games, e pela meta da empresa de divulgar o seu tablet, que será lançado no final de março, como um equipamento para o mercado educacional.

*Com PC World/EUA

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail