Home > Notícias

Apple sobe para 5º lugar em ranking do Greenpeace

Empresa é um dos destaques do novo relatório da ONG de defesa ambiental por ter cumprido metas de eliminação de componentes tóxicos antes do prazo.

IDG News Service

08/01/2010 às 15h57

Foto:

A Apple deixou de ser vilã para a organização não-governamental Greenpeace. Além de subir da nona para a
quinta posição no ranking trimestral de empresas mais verdes divulgado pela organização, a empresa ainda ganhou quatro estrelas em um novo sistema de medição integrado ao estudo por ter eliminado todos os componentes tóxicos de produtos e da linha de
produção.

O relatório “Guide to Greener Electronics”, anunciado durante o CES 2010,
na quinta-feira (7/1), coloca as
empresas Nokia, Sony Ericsson, Toshiba, Philips e Apple nas cinco
melhores pontuações em fatores como eliminação de componentes tóxicos
de equipamentos, redução no consumo de energia, em emissões de carbono
e reciclagem.

Já as empresas Dell, Lenovo, LG Electronics e Samsung estão na mira do Greenpeace. As quatro fabricantes haviam prometido eliminar
componentes como polivinis (PVC) e retardantes de chama bromado (BFR)
no fim de 2009, mas adiaram a meta para 2011, com possibilidade de
estender este novo prazo.

A organização acrescentou que a Hewlett-Packard está
fazendo um progresso considerável quanto à eliminação de PVC e BFR. Na
quarta-feira (6/1), a HP anunciou o primeiro desktop com o sistema
Windows totalmente livre de PVC e BRF. De acordo com a empresa, o HP
Compaq 8000f Elite Ultra Slim é 30% mais eficiente em consumo de
energia.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail