Home > Notícias

Apple tira do ar projeto para uso de iPod no Linux

Empresa barrou projeto open-source após afirmar que ele disseminava informações que poderiam ser usadas para burlar a tecnologia DRM, de acordo com a Electronic Frontier Foundation.

IDG News Service/EUA

26/11/2008 às 11h39

Foto:

A Electronic Frontier Foundation diz que a Apple tenta acabar com um programa que faz iPods e iPhones funcionar com software que não foi criado por ela, como o sistema operacional Linux.

Segundo a entidade, um advogado da Apple conseguiu remover um projeto open source chamado iPodhash do Bluwiki, um site gratuito usado para criar páginas Wiki. A alegação da retirada foi que o projeto infringe o DMCA, Digital Millenium Copyright Act, lei norte-americana que protege os direitos autorais e digitais.

"Notamos que o site que você opera, o www.bluwiki.com, dissemina informação designada para burlar o sistema de direitos digitais FairPlay, da Apple", escreveu o advogado Ian Ramage, da O'Melveny & Myers, em um e-mail para o Bluwiki. "O FairPlay é considerado uma tecnologia anticópia sob o DMCA. A lei proíbe explicitamente a disseminação de informações que podem ser usadas para burlar tal tecnologia".

Sam Odio, fundador do Bluwiki, tirou a página do iPodhash do ar, mas disse que o desenvolvedor do programa não quer quebrar as tecnologias de proteção contra cópia da Apple. "Seu software não desprotege as músicas, mas sim a base de dados".

A EFF publicou em seu site um histórico do caso completo, defendendo a importância do iPodhash para a comunidade Linux.

Odio espera botar o projeto do iPodhash de novo no ar em breve. "Sinto muito ter que fazer isso. Mas eu não tenho condições de entrar em uma disputa judicial com a Apple", concluiu.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail