Home > Notícias

Apple vence fabricante de clones de Mac na Justiça

Nova decisão do juiz é um nocaute na Psystar, que foi considerada culpada por utilizar Mac OS X sem autorização da Apple

PC World/EUA

16/12/2009 às 10h40

Foto:

A Psystar, fabricante de clones de Mac, levou um duro golpe ao ser considerada culpada por utilizar sem autorização o sistema operacional da Apple em seus computadores. O caso ainda precisa ir ao tribunal para definir algumas questões secundárias, mas a decisão principal já deixa claro que a Psystar não tem como comercializar legalmente seus clones de Mac.

O fato representa uma grande vitória para a Apple. Mas e para o consumidor? Segundo o juiz William Alsup, a Psystar comprou um Mac Mini com o Mac OS X e então copiou o sistema operacional para um PC. Em seguida, modificou pontos centrais do software e usou o equipamento como uma “imagem básica” para a reprodução do sistema, que foi utilizado nos computadores da Pystar. E a Justiça americana conclui que isso é, sim, violação de direito de propriedade.

Com a medida, a Apple passa a ter, novamente, controle total sobre o seu sistema, determinando que computadores podem chegar às lojas com o Mac OS X (vai ser difícil combater o hackintosh). Se a Psystar tivesse vencido, a Apple poderia ser forçada a suportar uma gama maior de equipamentos, assim como acontece com a Microsoft com o Windows

E como o controle total da Apple influencia a nossa vida? Por um lado, você sabe o que esperar quando compra um computador Apple. Geralmente, um produto de alta qualidade que exige pouca manutenção e está pronta para o uso alguns minutos após ser tirado da caixa. Além disso, o usuário costuma ter um ótimo suporte (pelo menos nos Estados Unidos). Mas tudo isso tem um preço, claro. O modelo mais barato de desktop Mac com um monitor, custa 1.200 dólares nos EUA (3.399 reais no Brasil). Já os computadores da Psystar começam em 600 dólares (o mesmo preço de um Mac Mini, que não vem com teclado ou monitor e que sai por 2 mil reais no mercado brasileiro).

Esse é o ponto principal do debate. Muita gente gostaria de ter um Mac, mas os preços altos da Apple são um limitador, já que é possível comprar um PC com Windows por muito menos. A Apple tem reduzido seus preços nos últimos tempos, mas é preciso um esforço maior da empresa para tornar seus equipamentos realmente acessíveis.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail