Home > Notícias

Apple veta software com caricaturas de políticos

Bobble Rep para iPhone foi desenvolvido por Tom Richmond, da revista Mad, e trazia imagens de congressistas norte-americanos, que foram consideras ofensivas

Macworld/EUA

09/11/2009 às 19h30

Foto:

Mais uma da série “aplicativos vetados pela Apple”. Desta vez, a vítima é um software desenvolvido por um ilustrador da revista Mad, Tom Richmond, em parceria com o diretor de cinema Ray Griggs. A dupla criou um software que inclui caricaturas de políticos norte-americanos.

Considerado pela Apple como uma obra que traz “conteúdo que ridiculariza figuras públicas”, o software Bobble Rep pretende ser um banco de dados sobre os congressistas, com ilustrações e recursos de localização com o uso de GPS. Ele inclui endereço do político, telefone, site e outros recursos para quem quer entrar em contato com seu representante.

Logicamente, ao invés de usar um banco de fotos, ele fez caricaturas dos deputados e senadores. Será que a Apple vai voltar atrás (como tem feito com certa frequência) e liberar o programa?

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail