Home > Notícias

Apple volta atrás e libera o Google Voice para iPhone

Aplicativo, que gerencia diversos números telefônicos e permite fazer ligações mais baratas, foi rejeitado pela empresa de Steve Jobs em julho

Redação Macworld Brasil

16/11/2010 às 17h56

Foto:

Após a proibição da Apple, que rejeitou o app para iPhone no
final de julho
, o aplicativo oficial do Google Voice, que permite fazer ligações mais baratas, entre outras funções, finalmente chega para o
smartphone da companhia de Steve Jobs.

Com ele, o usuário pode acessar sua conta do Google Voice
e fazer ligações a partir do
iPhone, receber mensagens de texto e voz, enviar SMSs gratuitos para outros usuários do serviço nos Estados Unidos, e fazer chamadas internacionais a preços convidativos.

googlevoice01.jpg

Google Voice: aplicativo gerou briga judicial

 O aplicativo do serviço de telecomunicações já está disponível
na App Store
, contudo, só está disponível para usuários residentes nos Estados Unidos. O recurso,
apresentado pelo Google em 2009, funciona como um gerenciador de contatos,
unificando números telefônicos do usuário – como telefone comercial, de casa e
móvel – em uma única combinação. 

Com o veto da Apple no ano passado, o Google Voice gerou uma disputa que foi parar na Comissão Federal de Comunicação dos Estados Unidos (FCC). A Apple divulgou na época que "o aplicativo  não havia sido rejeitado, mas que ainda estava em avaliação", coisa que a Google não admitiu. Por conta disso mandou um documento à FCC pedindo providências. 

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail