Home > Dicas

Como fazer o upgrade de seu Mac

Colocar mais memória RAM ou trocar o disco rígido são medidas que melhoram o desempenho e prolongam a vida do seu equipamento. Saiba como e veja o que vale a pena atualizar

Jonathan Alcalá, da Macworld Brasil

11/12/2009 às 16h23

Foto:

Com o passar do tempo seu computador vai ficando lento e, se você não está com dinheiro para comprar outro, o upgrade surge como uma boa opção. Para quem migrou recentemente para o mundo dos computadores Apple, vale lembrar, porém, que esse processo tem alguns detalhes importantes a considerar, e que tornam o processo um pouco  diferente do feito nos PCs.

Antes de desmontar seu iMac, MacBook, Mac mini ou mesmo o Mac pro, tenha em mente que qualquer procedimento incorreto ou uso de componentes incompatíveis com o sistema levará à perda da garantia por parte da Apple. Segundo Jailson Reis, técnico de informática da Inter Alpha, uma das assistências técnicas da Apple, em São Paulo, somente iMacs, MacBooks e Mac Pros podem ser abertos pelo usuário para ser realizada a troca da memória RAM sem a perda de garantia do produto.

No caso dos Mac minis, é necessário um pouco mais de conhecimento técnico para abrir o computador e identificar cada peça no seu interior. Apertar um parafuso errado pode acabar com a garantia. Portanto, se você nunca abriu um computador, uma assistência técnica é indicada para o serviço.

Se você tem uma máquina mais antiga, com mais de um ano de uso, ele não está mais na garantia. Nesse caso, não há porque temer em arriscar um upgrade. Basta tomar cuidado, claro.

Memória RAM
Aumentar a memória é uma das principais providencias a tomar para melhor a performance. No mínimo o computador fica 10% mais rápido. Em geral, quanto maior a quantidade de memória RAM, melhor será o desempenho do computador para rodar vários programas ao mesmo tempo.

A memória RAM usada tanto no Mac mini, iMac e MacBook é a mesma de qualquer outro notebook. A única observação que deve ser feita antes de comprá-la é em relação ao modelo (DDR2 ou DDR3) e freqüência (667 ou 800 MHz). Para identificar qual é a que você está usando, abra a ferramenta de Visão (clique na Maçã, no lado esquerdo superior da tela, Sobre este Mac e Mais informações) para obter dados detalhados de cada hardware instalado no computador.

Hoje, um pente de 2 GB padrão DDR2 custa em média 150 reais. A mesma capacidade para um pente padrão DDR3 gira em torno de 170 reais. Podemos citar como marcas tradicionais os módulos de empresas como Kingston, OCZ e Patriot.

A Apple não vende a memória RAM como item separado – nenhuma das assistências técnicas autorizadas da Apple procuradas pela redação da Macworld Brasil faz isso. O preço cobrado por elas uma já inclui a mão-de-obra de instalação.  Para 4 GB DDR2, as autorizadas cobram cerca de 360 reais, e para 2 GB DDR3, o preço médio é de 540 reais.

Como trocar
Há vários vídeos na internet de usuários que ensinam como abrir um Macintosh. Os iMacs têm apenas um parafuso segurando o compartimento de memória, que fica na parte inferior da tela. Os MacBooks possuem quatro parafusos na parte de baixo que revelam o slot da memória RAM e disco rígido. O Mac Pro pode ser aberto como um computador comum. Já o Mac mini  exige uma ferramenta, como uma espátula.

Assista abaixo alguns vídeos demonstrando a troca dos componentes.

MacBook

Mac mini

iMac

Disco rígido
Um disco rígido de 250 GB vendido pelas assistências técnicas autorizadas da Apple, junto com a instalação, custa, em média, 399 reais. Um HD de 500 GB, também pela autorizada, sai por 499 reais.

MacBooks são os computadores mais práticos para fazer a troca de um disco rígido. O nível de dificuldade para a troca de um HD no Mac mini é o mesmo para a memória RAM. No caso dos iMacs, se você não tem sangue frio, é melhor não tentar.  Você terá de desmontar praticamente todo o computador para chegar ao compartimento do HD.

Assista abaixo um usuário demonstrando como se faz a troca do HD de um iMac

Processador e placa de vídeo
Se você achou complicada a troca do disco rígido do iMac, a troca da placa de vídeo  e do processador são ainda piores. Em alguns modelos de MacBooks, por exemplo, a placa mãe é limitada a um determinado tipo de processador e placa de vídeo.

Quando você sentir a necessidade de trocar algum desses dois componentes, saiba que o mais indicado mesmo é fazer a troca do próprio computador (principalmente se você já colocou mais memória RAM e não ficou satisfeito).

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail