Home > Notícias

Asus apresenta representantes na luta contra o iPad

Tablets apresentados incluem o modelo Eee Pad EP121, com tela de 12 polegadas, Windows 7 e processador Core 2 Duo.

IDG News Service (Taiwan)

31/05/2010 às 9h36

EeePad-150.jpg
Foto:

Com o início da Computex 2010 – feira de eletrônicos que acontece em Taiwan – a Asustek tratou de apresentar suas armas para a briga contra o iPad. E o primeiro foi um tablet da sua popular linha Eee, que conta com uma tela de 12 polegadas – duas a mais que o rival da Apple –, multitouch e o Windows 7 Home Premium como sistema operacional.

Com o nome de Eee Pad EP 121, o dispositivo tem ainda um processador Intel Core 2 Duo, bateria com autonomia de até 10 horas e acessar a internet, executa vídeos e funciona como e-reader, além de outras funções multimídia.

eeepad.jpg
Eee Pad EP121

O Eee Pad EP121 tem duas opções de base que serão vendidas separadamente. Uma delas é um teclado para que os usuários tenham a mesma experiência de um computador desktop. A outra literalmente transforma o dispositivo em um notebook.

 Ainda nesta linha, a Asus apresentou um segundo modelo, o Eee Pad EP101TC, com tela menor – 10 polegadas -  e o Windows Embedded Compact 7 como sistema operacional. Ele tem 12.2 mm de espessura, pesa 675g e conta com o chips Nvidia Tegra, segundo representantes da Asus.

eeepad2.jpg
Eee Pad EP101TC

 

Os tablets custarão entre 399 dólares e 499 dólares e serão lançados em todo o mundo a partir do primeiro trimestre de 2011.

E-reader
Outra novidade da empresa foi na área de e-readers, com o Eee Tablet, voltado principalmente para estudantes e projetado tanto para ler livros eletrônicos quanto para funcionar como bloco de anotações. O modelo conta com câmera de 2 megapixels, porta USB e slot para cartões microSD. Os usuários podem ainda usar uma caneta digital para fazer as anotações no display do aparelho. Segundo a Asus, a tela foi desenvolvida para que o usuário sinta que como se estivesse escrevendo em uma folha de papel.

O e-reader da Asus será lançado em setembro e custará entre 199 dólares e 299 dólares.

Loja de aplicativos

A companhia também apresentou um plano para entrar no negócio de aplicativos com a Asus App Store, em parceria com o Intel AppUpCenter. Na loja, serão oferecidos aplicativos para o sistema operacional MeeGo, baseado no Linux. 

O MeeGo, voltado a computadores ultraportáteis, é resultado de uma combinação dos projetos Linux da Intel e da Nokia. A Asustek planeja lançar um netbook com a plataforma no começo do ano que vem.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail