Home > Notícias

Banda larga móvel crescerá seis vezes até 2013, diz estudo

Consumidores de serviços de banda larga móvel serão 1,4 bilhão nos próximos anos, prevê Huawei.

Redação do COMPUTERWORLD

19/01/2009 às 17h50

Foto:

O total de usuários de banda larga móvel em todo o mundo crescerá seis vezes até 2013, quando serão adicionados 1,2 bilhão de novos consumidores à base atual de 200 milhões de pessoas que utilizam serviços do tipo.

A previsão é da Huawei, fornecedora de serviços de telecomunicações, que acredita que o avanço se dará devido ao avanço das tecnologias HSPA, que permitirão a convergência das três telas - TV, PC e celular.

No cenário da banda larga fixa, o mercado global terá recebido 300 milhões de novos assinantes de banda larga fixa no período, dobrando o total existente atualmente, segundo previsões da fornecedora de equipamentos de telecomunicações Huawei.

A empresa também acredita que em alguns anos a banda larga móvel experimentará um grande desenvolvimento e a banda larga fixa alcançará velocidades mais altas. O crescimento do tráfego de dados levará o desenvolvimento de redes em escala de terabites e exigirá das operadoras a adoção de ferramentas de gerenciamento de tráfego.

E, à medida que as conexões de alta velocidade se tornarem mais comuns, tanto para usuários fixos quanto móveis, haverá mais oportunidades para serviços de cloud computing.

No final de 2008, o número de assinantes de serviços móveis chegou a 3,5 bilhões de usuários e em poucos anos, saltará para 5 bilhões de pessoas, igualando o número de potenciais usuários. Mais de um bilhão dos novos consumidores virão de mercados emergentes, onde o ARPU (Receita Média Por Usuário) é mais baixo. Isso exigirá das operadoras criatividade para oferecer produtos que garantam-lhe manter a rentabilidade e ganhar mais participação de mercado.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail