Home > Notícias

Banda larga no Brasil também é a mais cara para os provedores

Cidade de São Paulo registra um dos custos de banda larga mais caros do mundo. Redução de preços no País também é tímida.

Redação do IDG Now!

07/10/2008 às 16h32

Foto:

O custo de um link de banda larga para os provedores no Brasil está entre os mais altos do mundo, segundo um estudo da TeleGeography. A empresa mede os preços da banda vendida aos provedores de internet em 40 cidades no globo.

A cidade de São Paulo não só registrou um dos custos mensais mais altos por Mbps (megabit por segundo) contratado, como também foi uma das que teve menor redução de preços em um ano.

O custo médio do Mbps por porta Gigabit Ethernet (GigE) em São Paulo é de pouco mais de 70 dólares mensais atualmente. O valor caiu cerca de 20% em relação a 2007. Em contrapartida, em Londres, os provedores pagam pouco mais de 10 dólares pelo mesmo tráfego IP. O preço caiu 40% em um ano.

Nas cidades européias, o preço médio mensal por Mbps variou entre 10 dólares e 14 dólares no segundo trimestre de 2008. Já na Ásia, o preço variou entre 30 dólares e 45 dólares por Mbps ao mês.

A média de preços na América Latina variou entre 73 dólares mensais, em Buenos Aires, e 86 dólares mensais em Santiago.

Segundo a consultoria, a disparidade de preços revela que há espaço para redução de preços na América Latina.

Um estudo recente da Cisco revelou que a velocidade da banda larga no Brasil também desaponta o internauta.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail