Home > Notícias

Bateria do iPhone 3G é medíocre, mas ainda supera outras

Testes indicam que bateria do iPhone 3G dura 5h38m, menos do que as 10 horas do iPhone original.

PC World/EUA

15/07/2008 às 9h56

Foto:

A bateria do novo iPhone 3G não é notável, mas ainda supera os outros modelos de smarphones 3G. O PC World Test Center realizou um teste do tempo de vida útil da bateria para conversação e constatou que ela dura cerca de 5 horas e 38 minutos.

O número representa uma grande queda de desempenho em relação ao iPhone original, que, na rede EDGE da AT&T, atingiu dez horas no mesmo teste. A rede EDGE é mais lenta que a 3G. Entretanto, a performance do iPhone 3G bate a maioria dos aparelhos 3G à venda no mercado norte-americano, grande parte deles com resultados bem abaixo da marca de 5 horas.
Em relação a outros celulares que usam a rede 3G  da AT&T, o HTC Touch Dual é o que chega mais próximo, com tempo médio de 5 horas e 18 minutos ativo. O AT&T Tilt durou 4 horas e 47 minutos, bem próximo ao Pantech Duo, com 4:46,, e o Motorola Q9, com 4:43. O Palm Treo 750 teve o pior desempenho: 3:53.

O iPhone 3G ainda bate aparelhos que usam a rede de banda larga EVDO das operadoras Sprinte e Verizon. O Palm Centro teve 4:19 de duração de bateria, e o Samsung Instinc, 5:33.

As redes 3G em geral são famintas por bateria, mas o tipo de rede usado pela AT&T é particularmente mais voraz, já que as chamadas de voz usam a mesma rede utilizada para a transmissão de dados. Por outro lado, a tecnologia EVDO usa dados apenas - a voz vai pela rede CDMA, que, teoricamente, consome menos energia.

A boa notícia para os donos de celulares 3G baseados em redes HSDPA/UMTS (como a Tim e a Claro no Brasil) é que eles podem fazer ligações e usar os serviços de dados no telefone ao mesmo tempo. E, apesar do melhor desempenho que os outros celulares 3G, o novo iPhone vai parar de funcionar de qualquer modo ao fim de um longo dia de uso intensivo do aparelho.

Veja o desempenho do iPhone 3G em relação aos seus concorrentes no mercado norte-americano:

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail