Home > Notícias

Bem-vindo ao mundo das câmeras gigapixel

Chamado Aware-2, equipamento utiliza 98 sensores de 14 megapixels cada para costurar imagens de cenas a até 1km de distância

Jared Newman, PCWorld/EUA

22/06/2012 às 14h08

Foto:

Fotógrafos estão condicionados a pensar em megapixels, entretanto pesquisadores da Universidade Duke foram muito além da métrica, e desenvolveram a primeira câmera gigapixel para uso geral. 

O equipamento da universidade utiliza 98 sensores de 14 megapixels cada para costurar as imagens, alcançando um ótimo nível de detalhe. A contagem de pixels é alta o suficiente para que objetos distantes do primeiro plano possam ser cortados para que pareçam fotos tiradas de perto com uma câmera convencional. A 1 quilômetro de distância, a câmera pode identificar objetos de até 3.8 centímetros. 

Os pesquisadores afirmaram que a Aware-2 utiliza uma abertura de 16mm para capturar as fotos, e consegue até três imagens de um gigapixel por minuto. “Câmeras gigapixel ubíquas podem transformar o principal desafio da fotografia, partindo da questão ‘para onde apontar a câmera' para 'como extrair os dados’”, afirmaram os pesquisadores, em um artigo publicado na revista Nature

A Aware-2 não é a primeira câmera gigapixel desenvolvida, entretanto, de acordo com informações do Gizmodo, os outros dispositivos podem capturar imagens apenas em campos de visão muito restritos, sendo assim, os fotógrafos teriam que registrar uma sequência de fotos enquanto se movimentam para criar uma cena inteira. 

 

gigapixel1.jpg

Imagem capturada com a câmera, com segmentos com zoom de 4x e 32x

 

No entanto, ela não é exatamente um modelo de equipamento amigável ao consumidor. A versão atual pesa cerca de 45 quilos e é praticamente do tamanho de dois micro-ondas, conforme afirmou o Wall Street Journal (no site do jornal há um infográfico em inglês que mostra detalhes sobre o funcionamento da câmera). Cada foto demora aproximadamente 18 segundos para ser registrada (uma limitação dos computadores atuais, e não da câmera em si) e captura fotos apenas em preto e branco, entretanto uma câmera de 10 gigapixel deve estar pronta até o final do ano. 

Os pesquisadores receberam um investimento de 25 milhões de dólares do Departamento d Defesa dos EUA, pois a DARPA (Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa) está interessada nesse tipo de câmera para propósitos de vigilância. Entretanto, não há informações a respeito de quando a tecnologia se tornará portátil. 

Enquanto isso, você pode brincar com o Nokia 808 PureView, celular com câmera de altíssima resolução que cabe no bolso. Todavia, os 41 megapixels do celulares ficam 959 megapixels atrás do “brinquedo” de Duke. 

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail