Home > Notícias

Bon Jovi acusa Steve Jobs de “matar a indústria musical”

Em entrevista a jornal inglês, cantor afirmou que o CEO da Apple acabou com a "época mágica" quando os consumidores "compravam um disco apenas pela capa"

Redação Macworld Brasil

15/03/2011 às 10h46

Foto:

O cantor Jon Bon Jovi fez duras críticas ao CEO da Apple, Steve Jobs, durante entrevista ao jornal inglês Sunday Times, de acordo com informações do site Huffington Post.

Apesar de sua banda possuir diversos álbuns, DVDs e até box-sets à venda na iTunes Store, loja online da Apple, o líder do Bon Jovi afirma categoricamente que Jobs matou a indústria musical. “Cara, era um tempo muito mágico. Odeio soar como um velho agora, mas eu sou, e marque minhas palavras, a próxima geração irá dizer: ‘O que aconteceu?’ Steve Jobs é pessoalmente responsável por matar a indústria musical.”

Como aponta o Huffington Post, a crítica de Bon Jovi é voltada para a própria experiência de se ouvir música atualmente, que teria sido degradada pelo iPod e pela loja de músicas da Apple. “Os jovens de hoje perderam toda a experiência de colocar os fones de ouvido, aumentar o volume, segurar a capa, fechar os olhos e se perder com um disco; e a beleza de pegar o seu dinheiro e tomar uma decisão baseada na capa do álbum, não sabendo o que esperar do som do disco, e olhar para algumas fotografias e imaginar isso?”

E você, o que acha da opinião do "velho roqueiro"?

jobs-magro-300

Fã declarado de Beatles e Bob Dylan, Jobs foi duramente criticado por líder do Bon Jovi

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail