Home > Notícias

Cartilha ensina o que provedores podem fazer para bloquear spams

Messaging Anti-Abuse Working Group aconselha que os provedores separem servidores de e-mail e bloqueiem os IPs dinâmicos.

IDG News Service/Reino Unido

26/06/2008 às 11h26

Foto:

A organização antispam Messaging Anti-Abuse Working Group (MAAWG) divulgou, nesta quinta-feira (26/06), uma lista de ‘melhores práticas’ para provedores de internet diminuírem o envio de spams por botnets.

Atualmente, as empresas usam ferramentas automáticas que poderiam bloquear spams - mas os e-mails legítimos seriam bloqueados também. “Se há muitos spams saindo da AOL, as pessoas os bloquearão automaticamente", diz o Chief Information Officer da Spamhaus, Richard D.G. Cox.

Série Segurança Digital:
> Diário de um vítima online
> Entenda o que são worms e vírus e proteja-se
> Aprenda a identificar um phishing
> Descubra como ignorar os spams
> Feche a guarda aos cavalos-de-tróia
> Saiba como desmascarar os rootkits
> Proteja-se dos softwares espiões

Para corrigir este erro, basta separar os servidores que recebem e-mails e os que encaminham as mensagens, aconselha o MAAWG. Dessa forma, é possível filtrar os spams antes que eles sejam encaminhados, diz Cox.

Além disso, os servidores que encaminham os e-mails podem saber se o servidor que envia as mensagens é legítimo.
++++
A outra recomendação do MAAWG é com relação aos PCs que atuam em uma rede de botnets e enviam spams. O grupo pede que os provedores bloqueiem as máquinas com IPs dinâmicos que mandam e-mails pela ‘porta 25’. Os botnets geralmente usam esta porta para o envio de spams.

Se isso não for possível para o provedor, a alternativa é que estes compartilhem os números de IPs dinâmicos de seus clientes para refinar seu filtro de spams.

“Listar os endereços em uma lista de IP os torna menos atrativos aos spammers, pois eles sabem que não podem enviar spams a redes que têm estas listas”, aconselha o site do Spamhaus.

Este mês, um spammer recorrente foi condenado a pagar 6 milhões de dólares ao MySpace.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail