Home > Notícias

Casas Bahia vende PCs de baixo custo da Positivo com processador AMD

AMD pretende ampliar penetração no varejo ao implementar processador Sempron em desktops da Positivo vendidos na rede varejista.

Evelin Ribeiro, especial para o IDG Now!

14/11/2008 às 14h50

Foto:

As Casas Bahia começarão a vender computadores Positivo com processador AMD. A parceria entre as três empresas permitirá que a AMD penetre ainda mais no mercado varejista.

Até então, os computadores vendidos pela Positivo com chips AMD eram apenas os voltados ao mercado corporativo e ao governo. Todos os PCs para o varejo vinham com processadores da Intel.

"A grande expectativa é atuar em cadeias onde não havíamos atuado. O acordo está associado diretamente às Casas Bahia, onde nossa presença era limitada. Esperamos crescer razoavelmente nesse curto espaço de tempo e ocupar perto de 20% dos desktops das Casas Bahia nesse primeiro trimestre do acordo. Essa é a expectativa", declarou José Antônio Scodiero, vice-presidente da AMD na América Latina.

O primeiro modelo de desktop chegará às lojas das Casas Bahia na próxima semana. Rodando Windows Starter Edition, com memória de 512 MB, disco rígido de 80 GB e processador AMD Sempron, o preço máximo do computador será mil reais.

"Esse primeiro modelo lançado é um produto de entrada, de preço mais acessível na linha de desktops. É focado em ser aquele primeiro computador da família, para usar internet, enviar e-mail e fazer planilhas e textos", afirmou Scodiero, que revela que a AMD já começou a discutir novos produtos para o início do ano que vem.

"Tudo vai depender do sucesso, mas o objetivo é ampliar a parceria e multiplicar a presença da AMD tanto nos computadores da Positivo quanto nas Casas Bahia", completou o executivo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail