Home > Notícias

CES 2013: Novas unidades SSD da SanDisk são mais rápidas

Baseados na mais recente tecnologia de memória flash, "discos" estarão no mercado a partir desta semana.

Martyn Williams, IDG News Service

07/01/2013 às 0h32

Foto:

A SanDisk está começando o ano com dois novos SSDs (Solid State Drive, ou “Unidade de Estado Sólido”), que prometem trazer mais desempenho para os usuários de PCs. A empresa anunciou neste domingo, durante o evento Storage Visions em Las Vegas, nos EUA, que tanto o Ultra Plus, que é voltado ao consumidor final, quanto o X110, que é voltado aos fabricantes de PCs e servidores, estarão disponíveis nesta semana.

Os SSDs são baseados em chips de memória Flash produzidos em um processo de 19 nanômetros. O número se refere ao tamanho do menor componente (um transistor) na superfpicie do chip. Na indústria de memória Flash, o processo de 19 nm é o atual “estado da arte”.

Cada salto na tecnologia de produção, como a mudança do processo anterior de 24 nm para o atual de 19 nm, traz vários benefícios, incluindo um menor consumo de energia e a capacidade de armazenar mais informações em um único chip ou reduzir o tamanho físico do chip mantendo a mesma capacidade.

Os SSDs Ultra Plus são voltados ao mercado consumidor. Segundo a SanDisk substituir um HD tradicional por um SSD acelera o acesso às informações no computador, o que leva a um tempo de boot reduzido e aplicativos que abrem mais rápido, e aumenta a confiabilidade. Esta família estará disponível num formato de 2.5 polegadas em três capacidades: 64, 128 e 256 GB. A velocidade de leitura sequencial chega a 530 Megabytes por segundo (MB/s), e a de gravação varia entre 155 e 445 Megabytes por segundo dependendo do modelo.

ssd_sandisk_ultra-360px.jpg
Uma unidade SSD SanDisk Ultra Plus

Já o X100 estará disponível no formato de 2.5 polegadas e também em tamanhos “sob medida” para diversas aplicações na indústria. A velocidade de leitura sequencial chega aos 505 MB/s, e a de leitura a 445 MB/s. Em comparação, os SSDs da linha U100 da SanDisk, que são baseados em chips produzidos em um processo de 24 nm, tem velocidade de leitura de 450 MB/s e de escrita de 350 MB/s.

A SanDisk, que é mais conhecida entre os consumidores por seus cartões de memória e pendrives, estão entrando de forma agressiva no mercado de SSDs. A empresa estima que em 2014 estes produtos irão representar um quarto de suas vendas, em contraste aos 10% atuais.

A entrada da empresa no mercado de SSDs é resultado de aquisições. Em 2011 ela adquiriu a Pliant Technology, que produzia SSDs para o mercado corporativo, e em seguida adquiriu duas empresas que produzem software para as unidades, a FlashSoft e a Schooner.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail